DSpace
 

Repositório da UTAD >
TD - Teses e Dissertações >
TD - Dissertações de Mestrado >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10348/8092

Title: Proteinuria em gatos com linfoma
Authors: Oliveira, Francisca Isabel de Sousa
Advisor: Queiroga, Felisbina Luísa
Vilhena, Hugo Corte-Real
Issue Date: 2017
Description: Dissertação de Mestrado Integrado em Medicina Veterinária
Abstract: A proteinuria consiste na presença de quantidades elevadas de proteína na urina, e pode ter causas renais ou extra-renais. Em gatos, a proteinuria devida a causas renais é considerada um fator de mau prognóstico, associado a um aumento da morbilidade e da mortalidade quer em doenças renais quer em doenças não renais. Assim, é considerada um biomarcador importante em diversas doenças felinas. O linfoma é uma das neoplasias mais comuns em gatos. Um estudo recente provou que a proteinuria de magnitude moderada é frequente em cães com linfoma. No entanto, que tenhamos conhecimento, não existe informação relativa a avaliação da proteinuria no linfoma felino. Os principais objetivos deste estudo consistiram na avaliação da ocorrência de proteinuria no linfoma felino, e na determinação da magnitude da proteinuria em gatos com linfoma. Para tal compararam-se os dados de medições de rácios proteína:creatinina na urina (UPC) entre três grupos de gatos (n=26): i) animais com linfoma (n=10), ii) animais com outras neoplasias (n=10) e iii) animais saudáveis (grupo de controlo, n=6). Os gatos com linfoma apresentaram valores de rácio UPC significativamente superiores aos gatos do grupo controlo (p=0.027). Não foram encontradas diferenças com significância estatística nos valores de rácio UPC entre o grupo de animais com outras neoplasias e o grupo controlo, nem entre o grupo de animais com linfoma e o grupo de animais com outras neoplasias. Na maioria dos gatos com linfoma que apresentavam proteinuria, esta era de baixa magnitude (valores de rácio UPC entre 0,2 e 0,4). Os resultados obtidos sugerem que, em gatos, o linfoma está associado ao desenvolvimento de proteinuria de baixa magnitude. Para além disso, apontam para a necessidade da realização de novos estudos, com um maior número de casos, de forma a esclarecer qual o significado clínico da proteinuria em gatos com linfoma.
Proteinuria consists in the presence of abnormal quantities of protein in the urine, which can be due to renal or extra-renal causes. In cats, proteinuria of renal origin is considered an indicator of poor prognosis, and is associated with an increased morbidity and mortality, both in renal and non-renal diseases. Consequently, proteinuria is considered an important biomarker in various feline diseases. Lymphoma is one of the most frequent neoplasias in cats. An increased incidence of proteinuria of moderate magnitude was recently reported in dogs with lymphoma. However, information about proteinuria in feline lymphoma is lacking. The main objectives of this study were to evaluate the occurrence of proteinuria in feline lymphoma, and to access the magnitude of proteinuria in cats with lymphoma. The urine protein:creatinine (UPC) ratio was measured in three groups of cats (n=26): i) cats with lymphoma (n=10), ii) cats with other types of neoplasias (n=10) and iii) apparently healthy cats (control goup, n=6). Cats with lymphoma had significantly higher values of UPC ratio than cats of the control group. No significant differences were found between the group of cats with other types of neoplasias and the control group, nor between the group of cats with lymphoma and cats with other types of neoplasias. Moreover, the proteinuria detected in the cats of the lymphoma group was of low magnitude in most cases (UPC ratio values between 0,2 and 0,4). These results suggest that proteinuria of low magnitude is frequent in cats with lymphoma. However, further studies with a larger number of cases are needed in order to clarify the clinical significance of proteinuria in cats with lymphoma.
Keywords: Gato
Linfoma
Proteinúria
Creatinina
Urina
Diagnóstico
Relação proteína/creatinina urinária
URI: http://hdl.handle.net/10348/8092
Appears in Collections:TD - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:

File Description SizeFormat
msc_fisoliveira.pdf1.14 MBAdobe PDFView/Open
Restrict Access. You can request a copy!
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in Repository are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Dspace DeGois RCAAP Comodo Valid XHTML 1.0! DSpace Software Copyright © 2002-2010  Duraspace - Feedback