The use of wet feeding to improve performance of broilers fed purified diets while testing antioxidants effects

Data
2010
Título da revista
ISSN da revista
Título do Volume
Editora
Projetos de investigação
Unidades organizacionais
Fascículo
Resumo
Dietas purificadas têm vindo a ser descritas como interessantes ferramentas para a investigação em nutrição animal, mas, as performances animais são normalmente afectadas pela baixa ingestão de alimento. A alimentação húmida tem vindo a ser descrita como forma de aumentar a ingestão de alimento e consequentemente o peso das aves, sendo desta forma uma interessante solução para aumentar as performances de aves alimentadas com alimentos purificados. Os antioxidantes usados em produção avícola são um tópico de interesse por razões fisiológicas e económicas. Os antioxidantes fornecidos na dieta são necessários para proteger animais contra os efeitos agressivos causados pelo stress oxidativo, no entanto as necessidades mínimas para frangos de carne nos actuais sistemas de produção e com a actual genética com o objectivo de obter boas performances e posterior qualidade de carcaça não está ainda bem definido. Este estudo foi conduzido com o objectivo de determinar o efeito da dieta (convencional vs. purificada), da forma de apresentação da dieta (húmida vs. seca) e do antioxidante (ausência ou presença de vitamina E) nas performances de frangos de carne entre os 0 e os 17 dias. Os parâmetros avaliados incluem ingestão de alimento, aumento de peso, conversão alimentar, e, como indicador de geral de saúde, peso do fígado e intestino. Como esperado, a alimentação húmida aumentou as performances das aves tanto nos tratamentos com alimento purificado assim como nos tratamentos com alimento convencional. No entanto, as performances das aves alimentadas com alimento purificado húmido foram inferiores que as performances das aves alimentadas com alimento convencional. Diferenças significativas foram encontradas dentro das dietas purificadas para o desenvolvimento intestinal quando fornecido sob a forma seca ou húmida. Em relação à adição de antioxidante, não foram encontradas quaisquer diferenças em relação às performances das aves, nem para a saúde da ave nem para o desenvolvimento intestinal. Causas possíveis para esta falta de resposta do antioxidante podem ser armazenamento por via materna no pinto ou outros mecanismos de protecção da ave contra o efeito oxidativo. Concluindo, estes resultados indicam que o fornecimento húmido de dietas purificadas pode ser usado como forma de melhorar as performances de aves, fornecendo assim melhores resultados aquando do teste de antioxidantes, mesmo não compensado completamente o reduzido consumo de alimento. Mais estudos são necessários com o objectivo de compreender em que extensão o alimento purificado afecta o desenvolvimento intestinal e a eficácia de uso dos alimentos assim como que mecanismos estão por detrás da protecção contra o stress oxidativo em avicultura moderna.
Purified diets has been reported as good tools in animal nutrition research, but performance results are usually affected by lower feed intake. Wet feeding has been reported as increasing feed intake and consequently body weight of chicks, being an interesting solution for increase broiler performances fed with purified feeds. Antioxidants use in poultry production have been a topic of increasing interest for physiological and economical reasons. Dietary antioxidants are needed to protect animals against damaging effects of oxidative stress, but requirements of broilers in current production systems and genetics in order to obtain good performance and posterior meat quality it is still not well defined. This study was conducted to determine the effect of diet (conventional vs. purified), feed form (wet, vs. dry) and antioxidant (none vs. Vit. E) in broiler performances between 0 and 17 days. Evaluated parameters included feed intake, weight gain, feed conversion, and as indicators of general health, liver and intestinal weights. As expected, wet feeding increased broiler performance in both, conventional or purified diet treatments. However, broiler performance of wet purified diet treatment was still lower than conventional diets. There were differences within purified diet for intestinal development when it was fed dry or wet. Regarding antioxidant addition, no differences were found in broiler performances, neither for bird general health or for intestinal development. Possible causes for this lack of response to antioxidants can be maternal carry-over stores in the chick or other mechanisms protecting birds against oxidative damage. In conclusion, these results indicate that feeding purified diets wet can be used as a way to improve broiler performance, giving thus better results when testing antioxidants, even though it did not completely compensated for reduced feed intake. More research is needed in order to elucidate the extents to which purified diets and wet feeding affect intestinal development and feed efficiency, as well as which mechanisms are behind protection against oxidative stress in modern broiler chickens.
Descrição
Dissertação de Mestrado em Engenharia Zootécnica
Palavras-chave
Avicultura , Nutrição animal
Citação