Ser um educador/professor criativo: reflexão sobre uma prática de ensino (de matemática) supervisionada

Data
2017-03-21
Título da revista
ISSN da revista
Título do Volume
Editora
Projetos de investigação
Unidades organizacionais
Fascículo
Resumo
Tendo como foco central a questão da criatividade na prática docente, encontramos neste relatório, numa primeira parte, a contextualização teórica que incide desde as Orientações para a Educação Pré-Escolar (OCEPE) e o Programa de Matemática do 1.º Ciclo do Ensino Básico (PMEB), passando por estudos sobre reflexão sobre a prática de ensino e sobre criatividade, até outros sobre recursos didáticos e a sua importância na aprendizagem. Depois disso e numa segunda parte, encontramo-la subdividida em duas partes onde fazemos a descrição e reflexão sobre algumas das atividades desenvolvidas no âmbito das Práticas Supervisionadas quer da Educação Pré-Escolar, quer do 1.º Ciclo do Ensino Básico, bem como a descrição dos envolvidos em tais atividades e das instituições onde todo o trabalho foi desenvolvido. Tratou-se de uma investigação qualitativa, de natureza interpretativa, baseada num estudo de caso. Esse estudo de caso encontra-se dividido em dois momentos distintos. O primeiro momento diz respeito à criação e dinamização de um cantinho da Matemática, inexistente no jardim-de-infância, onde a experiência foi realizada. O segundo momento consiste na abordagem de conteúdos da área da Matemática para o 4.º ano de escolaridade. Analisou-se se momentos específicos da prática da educadora/professora estagiária evidenciavam tratar-se de uma educadora/professora criativa. Usaram-se categorias já existentes na literatura para responder a esta questão, relacionadas com o desenvolvimento da prática, com o aluno e com atributos pessoais do professor. A recolha de dados foi feita recorrendo ao diário de bordo da professora estagiária, de registos fotográficos das atividades desenvolvidas e de registos escritos. A análise efetuada mostrou que nos momentos analisados, existem evidências de que a prática da educadora/professora estagiária é criativa.
With the central focus on the issue of creativity in teaching practice, we find in this report, in the first part, the theoretical context that focuses on the Guidelines for Preschool Education and on the Mathematics Syllabus of the 1st Cycle of Basic Education, through studies on researching practice and on creativity, to others about teaching resources and their importance in learning. After that and in a second part, we find it divided into two points where we make the description and reflection on some of the activities undertaken under the Supervised Practice of both the Pre-School Education and the 1st Cycle of Basic Education and the description of those involved in such activities and of the institutions where all the work was done. This was a qualitative research of interpretative nature, based on a case study. This case study is divided into two distinct parts. The first concerns the creation and disclosure of an area of mathematics, non-existent in the kindergarden, where the experiment was conducted. The second part is about the mathematics content approach for the 4th grade. We examined whether specific times of the practice of a pre-service educator/teacher evidenced that she is a creative educator/teacher. We used existing categories in the literature to answer this question, related to the development of practice, the student and the teacher's personal attributes. Data collection was done using the notes of the pre-service educator/teacher, photographic records of activities and written records. The analysis performed showed that in the periods into account, the practice of the pre-service educator/teacher can be considered creative.
Descrição
Dissertação de Mestrado em Ensino de Educação Pré-Escolar e Ensino do 1º Ciclo do Ensino Básico
Palavras-chave
Criatividade , Matemática , Educação pré-escolar , Ensino básico 1º ciclo
Citação