A Prática da Gestão de Projectos na Gestão de Obras das Empresas de Construção

Data
2009
Título da revista
ISSN da revista
Título do Volume
Editora
Projetos de investigação
Unidades organizacionais
Fascículo
Resumo
O sector da construção civil é frequentemente criticado pelos seus atrasos, pelas suas derrapagens orçamentais, pela sua baixa produtividade e pelos problemas de qualidade dos seus produtos. Numa sociedade cada vez mais exigente e numa economia cada vez mais competitiva, é indispensável que as empresas satisfaçam plenamente as necessidades dos seus clientes. Neste contexto, as práticas de gestão revelam ser de grande utilidade, particularmente a gestão de projectos, já utilizada em muitos sectores de actividade. Isto, apesar das características do sector da construção, onde as “rotinas” são pouco frequentes e onde a inovação e a necessidade de adaptação são constantes, tornarem difícil a implementação dos ensinamentos da gestão de projecto. No entanto este estudo pretende aferir se as metodologias da gestão de projectos são utilizadas para resolver os principais problemas do sector. Este estudo caracteriza as práticas de gestão mais utilizadas pelas empresas de construção, de forma a entender quais as áreas de gestão que têm merecido mais atenção, as dificuldades sentidas, entre outros aspectos relevantes. Embora todas as áreas de gestão abordadas no estudo sejam de extrema importância, as áreas de gestão do custo e gestão de aquisições/solicitações revelaram-se as mais valorizadas pelas empresas de construção, outras, como a gestão do risco, não são suficientemente tidas em conta. Os participantes no estudo revelaram ainda que o gestor de obras deve possuir grande capacidade de liderança, de comunicação e negociação. O factor mais importante para o sucesso de uma obra é terminar dentro do orçamento, enquanto a alteração ao projecto inicial é apontada como a principal causa para o insucesso, demonstrando assim a importância da qualidade do projecto técnico para a realização de uma obra.
The construction industry is often criticized for its delays, its budget slippages, its low productivity and problems relating the quality of its products. In an increasingly demanding society and increasingly competitive economy, it is essential that companies satisfy their customers. In this context, management practices turn out to be very useful, particularly the projects management, already used in many industries. This, despite the characteristics of the construction sector, where the “routines” are uncommon and where innovation and the need for adaptations are constant, becomes difficult to implement the teachings of project management. However this study aims to assess whether the main methodologies of project management are used to solve the main problems of the sector. This study characterizes the management practices used by most construction companies in order to understand which areas of management that have attracted most attention, the difficulties, among other relevant aspects. Although all areas of management covered in the study are extremely important, the cost management and procurement/requests management areas were considered to be the most highly valued by construction companies, others, like risk management aren’t sufficiently taken into account. The participants in the study revealed as well that the construction works manager must have strong leadership, communication and negotiation capacity. The most important factor for the success of a construction work is to finish within budget, while the amendment to the original design is identified as the main cause for the failure, thus demonstrating the importance of the quality of the technical design for a construction project.
Descrição
Dissertação de Mestrado em Engenharia Civil
Palavras-chave
Gestão de Obra , Gestão de Projecto , Empresas de Construção
Citação