Partilha do conhecimento no setor têxtil: um estudo de caso

Projetos de investigação
Unidades organizacionais
Fascículo
Resumo
Com a crescente globalização os mercados tornam-se mais competitivos e obrigam as empresas a entrarem numa dinâmica de inovação. Com esta nova economia, não basta apenas dispor de uma infraestrutura de recursos financeiros e tecnológicos, são necessárias competências para transformar a informação em conhecimento. O setor têxtil que em Portugal tem um valor muito significante na economia nacional, tem vindo a crescer exponencialmente. Este crescimento deve-se ao facto de o setor se ter diferenciado em relação aos outros países com custos de mão-de-obra inferiores. A diferenciação passou pela criatividade, flexibilidade, know-how, inovação e pelo valor acrescentado. É neste contexto que entra a partilha do conhecimento, onde há lugar para a troca de experiências e técnicas que são tão importantes neste setor. A presente dissertação teve como propósito analisar a partilha do conhecimento no setor têxtil, se existe intuito de partilha e quais as consequências desta partilha. A investigação foi baseada nas respostas a um questionário online de 735 profissionais de uma organização do setor têxtil. Os resultados obtidos demonstraram que a organização em estudo pratica Partilha do Conhecimento. Comprovou-se que a coesão, autonomia e colaboração são propícias à Partilha do Conhecimento. Como consequência deste estudo a organização promoveu algumas iniciativas no âmbito da gestão e partilha do conhecimento.
With increasing globalization, markets become more competitive and force companies to enter into a dynamic of innovation. With this new economy, it is not enough just to have an infrastructure of financial and technological resources, skills are needed to transform information into knowledge. The textile sector, which in Portugal has a very significant value in the national economy, has been growing exponentially. This growth is due to the fact that the sector has differentiated itself from other countries with lower labor costs. The differentiation included creativity, flexibility, know-how, innovation and added value. It is in this context that knowledge sharing enters, where there is a place for the exchange of experiences and techniques that are so important in this sector. The purpose of this dissertation was to analyze knowledge sharing in the textile sector, if there is an intention to share and what are the consequences of this sharing. The investigation was based on responses to an online questionnaire by 735 professionals from an organization in the textile sector. The results obtained showed that the organization under study practices Knowledge Sharing. It has been proven that cohesion, autonomy and collaboration are conducive to Knowledge Sharing. As a result of this study, the organization promoted some initiatives in the scope of knowledge management and sharing.
Descrição
Dissertação apresentada à Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro como requisito à obtenção do grau de Mestre em Gestão
Palavras-chave
Autonomia , Coesão
Citação