Práticas de maneio e utilização de inoculantes na produção de silagem de milho no Entre Douro e Minho

Data
2017-06-06
Título da revista
ISSN da revista
Título do Volume
Editora
Projetos de investigação
Unidades organizacionais
Fascículo
Resumo
Este documento constitui a dissertação do Mestrado em Engenharia Zootécnica da Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro, e teve por base um estudo desenvolvido na empresa UCANORTE XXI. O estudo aqui apresentado teve como principal objetivo a caracterização e práticas de maneio e o efeito dos inoculantes na produção da silagem de milho no Entre Douro e Minho. Sendo esta forragem a base alimentar da indústria da produção leiteira desta região, a identificação de possíveis oportunidades de melhoria na produção deste alimento apresenta uma importância prática, bem como económica, bastante elevada. A crescente disponibilidade de produtos condicionadores da fermentação da forragem (inoculantes) permite atuar numa área da produção que, até há alguns anos, era inacessível ao agricultor. A identificação dos seus efeitos, nomeadamente ao nível da estabilidade da silagem após a abertura do silo, é um dos parâmetros de avaliação deste trabalho. Num quadro de dificuldades económicas crescentes e com as margens de valorização do produto “leite” sem horizontes de melhoria, a racionalização dos custos e a otimização dos processos revela-se de especial importância para a sobrevivência da indústria da produção leiteira da região. A silagem de milho, devido à presença de grande quantidade de energia proveniente do grão e à reduzida quantidade de proteína, será das forragens mais fáceis de produzir. Contudo, a investigação científica tem vindo a demonstrar que as perdas associadas à sua utilização (desde a abertura do silo até que o mesmo acaba) são elevadas, podendo chegar aos 30% da matéria seca presente. Além disso, o consumo de nutrientes que se verifica durante este período, pode transformar uma silagem de milho com elevado valor alimentar para a vaca leiteira num alimento mediano e incapaz de sustentar as suas elevadas exigências. Alguns parâmetros relacionados com a produção da silagem de milho como sejam o momento de corte escolhido, o tamanho de corte selecionado, a compactação durante o enchimento, o tempo de demora para enchimento do silo e a qualidade do fechamento do silo são muito importantes para a obtenção de um alimento de qualidade, que permita uma ingestão elevada por parte do animal e a satisfação de uma proporção maior das suas necessidades através da forragem. Aliado às boas práticas na produção da silagem, a utilização de inoculantes ajuda a proteger a sua matéria seca, preservando mais nutrientes para serem utilizados pelas vacas. Na primeira parte deste trabalho foi feita uma revisão bibliográfica sobre o tema. Na segunda parte foi realizado um trabalho prático que englobou a realização de inquéritos aos agricultores e alguns ensaios para determinação da densidade de compactação, da qualidade nutricional e microbiológica das silagens, de fermentação após a ensilagem e da sua estabilidade aeróbica.
The present document is based on a study conducted by the company “XXI UCANORTE” as the final thesis of the Master in Animal Science program belonging to the University of Tras-os-Montes e Alto Douro. The aim for this study was the characterization of the effect of inoculants in the production of corn silage in the Entre Douro and Minho region in Portugal, referring the management procedures involved. Forage is considered to be the main element in the feeding system used by the milk production industry in this area, therefore identifying possible opportunities for improvement in the production of forage is of extremely important, not only practically but also from an economic point of view. The increasing availability of products to control the process of fermentation in forage (inoculants) allows us to act in a domain that until a few years ago was inaccessible to the farmer. The identification of these products’ effects, particularly in terms of stability of the silage after opening the silo, is one of the evaluation parameters considered in this study. With growing economic difficulties, and the decreasing value of milk itself, the rationalization of costs and optimization of processes involved proves to be of critical importance for the survival of the milk production industry in Portugal. Due to its high energy levels attained from the grain and low values of protein, corn silage is one of the most accessible forages in animal feed to produce. However, scientific research has shown that losses associated with its use (since the opening of the silo until it is finished) can be very significant, numbers reaching up to 30% of total dry matter in some cases. Furthermore, the nutrient intake by animals that occurs during this period is not enough to sustain their high demands in energy, even though the feed may present itself as being of adequate energetic value initially. Some aspects related to the production of corn silage such as the selected cut-off point, the selected cutting size compression during filling, the delay time for the silo filling and silo closing technique, are very important in order to obtain a high quality feed, which will reflect in a greater forage intake by the animal. Combined with optimal technique during the production of corn silage, the use of inoculants assists the preservation of nutritional values in the forage, so that high energetic needs associated with dairy production are met. This work can be divided into two parts, the first being a literary review on the subject, and the second part containing a detailed description of the practical experiment carried out during the study, which included surveys filled by farmers in the area and the execution of tests for compaction density, nutritional and microbiological quality of the silage, fermentation after ensiling and its aerobic stability.
Descrição
Dissertação de Mestrado em Engenharia Zootécnica
Palavras-chave
Milho , Silagem , Região Entre Douro e Minho (Portugal) , Inoculantes agrícolas , Microrganismo , Estabilidade aeróbia
Citação