Desenvolvimento e caracterização de uma palmilha pediátrica

Data
2017-11-27
Título da revista
ISSN da revista
Título do Volume
Editora
Projetos de investigação
Unidades organizacionais
Fascículo
Resumo
O pé é uma estrutura anatómica de extrema importância no nosso corpo. Através da interação conjunta de inúmeros intervenientes, permite a realização de movimentos do pé e da perna, possibilitando a execução da posição ortostática, da marcha e da corrida. O pé encontra-se em fase de desenvolvimento nas crianças, sofrendo alterações quanto à estrutura e à forma. Nesta fase de desenvolvimento do pé, e por influência de inúmeros fatores, podem ocorrer patologias e/ou lesões. É cada vez mais importante que o diagnóstico de alterações posturais e de distribuições da pressão plantar anormais, seja realizado entre a infância e a adolescência, de modo a ser possível a sua correção, muitas vezes através de ortóteses plantares, e a prevenção de lesões mais graves. Os polímeros naturais têm vindo a ser alvo de uma grande investigação com vista a obtenção de novos materiais sustentáveis. A nanocelulose, material muito abundante no nosso planeta, tem sido intensamente estudada para o desenvolvimento de materiais biomédicos e para reforço de nanocompósitos. Deste modo, sendo a nanocelulose um polímero natural com propriedades, mecânicas e biológicas, promissoras, procedeu-se à investigação da possibilidade da sua aplicação numa ortótese do pé, sendo este o intuito principal deste estudo. Nesta dissertação são apresentadas e analisadas as metodologias utilizadas para a obtenção do gel de nanocelulose, bem como a caracterização do mesmo gel utilizando várias técnicas, como ensaios mecânicos de resistência à compressão e avaliação da densidade. Com base na avaliação dos resultados obtidos, ambiciona-se conceber um protótipo de ortótese do pé, para correção da distribuição de pressões plantares, e testar o mesmo na população em estudo com alterações da pressão plantar, não descorando outras possíveis aplicações deste material único.
The foot is an anatomical structure of extreme importance in our body. Through the joint interaction of numerous players, it allows the performance of foot and leg movements, enabling the execution of the orthostatic position, gait and run. The foot is under development in children, undergoing changes in structure and shape. In this stage of foot development, and due to the influence of numerous factors, pathologies and/or injuries can occur. It is increasingly important that the diagnosis of postural changes and abnormal plantar pressure distributions be made between childhood and adolescence, so that it can be corrected, often through plantar orthotics, and prevention of more serious injuries. Natural polymers have been the subject of much research to obtain new sustainable materials. Nanocellulose, a very abundant material on our planet, has been the subject of research in the development of biomedical materials and nanocomposites reinforcement. Thus, as the nanocellulose is a natural polymer with promising mechanical and biological properties, the possibility of its application to a foot orthotic was investigated, and this is the main purpose of this study. In this dissertation, the methodologies used to obtain the nanocellulose gel are presented and analyzed, as well as the characterization of the same gel using several techniques, such as resistance to compression and density evaluation. Based on the evaluation of the obtained results, it is intended to design a prototype of foot orthotic, to correct the distribution of plantar pressures, and to test the same in the study population with alterations of plantar pressure, with alterations of other possible applications of this unique material.
Descrição
Dissertação de Mestrado em Biotecnologia para as Ciências da Saúde
Palavras-chave
Ortótese do pé , Nanocelulose , Biomaterial
Citação