Os cinco lugares de impacto da exclusão/inclusão social: (corpo, trabalho, cidadania, território e identidade)

Data
2014-05-22
Título da revista
ISSN da revista
Título do Volume
Editora
Projetos de investigação
Unidades organizacionais
Fascículo
Resumo
Os conceitos de exclusão e de inclusão não são necessariamente opostos, pelo contrário, funcionam, muitas vezes, em retroação mútua, possibilitando inclusões que abrem caminho a exclusões e vice-versa, constituindo, pois, processos dinâmicos interligados de diferentes maneiras. Este conceito de exclusão muitas vezes é confundido com outros, nomeadamente o de pobreza ou o de desigualdade, entre outros, pelo que é necessário clarificar os diferentes conceitos. Existem, também, alguns fenómenos importantes que contribuem para a exclusão/inclusão como a globalização e a flexibilidade do mercado de trabalho, ou até mesmo as políticas adotadas, pelo que não podemos falar em exclusão/inclusão social sem ter de fazer referência aos indivíduos em situações vulneráveis, como é o caso dos desempregados em situações específicas, ou seja, com baixa escolaridade e com idades em que já são considerados ―velhos‖ para começar uma nova vida profissional, mas, ao mesmo tempo, muito ―novos‖ para deixarem de trabalhar. Esta análise incide sobre indivíduos em situação de desemprego, residentes na Região Autónoma da Madeira e é construída a partir de uma perspetiva do Serviço Social, seguindo a teoria de exclusão social categorizada por Stoer, Magalhães &Rodrigues em cinco lugares de impacto de exclusão/inclusão social (corpo, trabalho, cidadania, identidade e território). Os objetivos deste estudo são: compreender de que modo os cinco lugares de exclusão/inclusão se formam e/ou influenciam o indivíduo no processo de exclusão social.
The concept of inclusion and exclusion are not necessarily opposing the contrary, work, often in mutual feedback, allowing inclusions that give way to deletions and vice versa, and is therefore dynamic processes interconnected in different ways. This concept of exclusion is often confused with other, namely poverty or inequality, among others, by the need to clarify the different concepts. There are also some important phenomena that contribute to the inclusion/exclusion as globalization and flexibility of the labor market, or even the policies, so we cannot speak of social exclusion/inclusion without having to refer to individuals in situations vulnerable, such as the unemployed in specific situations, namely, with low education and age that are already considered " old " to start a new life, but at the same time very " new" to stop working . This analysis focuses on individuals unemployed, resident in the Autonomous Region of Madeira and is constructed from a perspective of Social Services, on the theory of social exclusion categorized by Stoer, Magalhães & Rodrigues in five places impact of social exclusion/inclusion (body, work, citizenship, identity and territory). The objectives of this study are to understand how the five places of inclusion /exclusion form and/or influence the individual in the process of social exclusion.
Descrição
Dissertação de Mestrado em Serviço Social
Palavras-chave
Serviço social , Exclusão social , Inclusão social , Globalização , Política social , Desemprego
Citação