Estudo da influência da prática de atividades extracurriculares e o sucesso escolar

Data
2017-08-25
Título da revista
ISSN da revista
Título do Volume
Editora
Projetos de investigação
Unidades organizacionais
Fascículo
Resumo
Este estudo é resultado de um esforço em conjunto que o tornou realizável e sem os quais teria sido muito mais difícil concretizar esta etapa, que representa um importante marco na minha vida pessoal e profissional. Desta forma, expresso a minha gratidão a todos os que estiveram presente nos momentos de ansiedade, de angústia, de exaustão, de insegurança e de satisfação. Ao meu Orientador, Professor Doutor Francisco Saavedra, pela forma como me orientou, pelo entusiasmo, pela simpatia, dedicação e motivação. Importa, ainda, referir a sua disponibilidade, apoio e confiança. Ao Agrupamento de Escolas de Oliveira do Bairro, na pessoa do Professor Helder Rosa, pela simpatia e disponibilidade. À minha esposa e filhos, pelo apoio incondicional, acreditando sempre no meu esforço e empenho. Pela dedicação durante os momentos mais difíceis de exaustão, para que eu nunca desistisse e alcançasse o meu sonho e também pela paciência da minha frequente presença ausente, pela tolerância e carinho. A Deus e a fé que me acompanham em todos os momentos. Aos colegas que me apoiaram na aplicação dos questionários, pela amizade e pelas palavras de incentivo. 2º Ciclo (Mestrado) em Ciências do Desporto 2017 Pedro Manita ix Resumo A importância pelo estudo da introdução de atividades desportivas extracurriculares no desenvolvimento de crianças e jovens e, o impacto no seu desempenho escolar e nos resultados conseguidos tem vindo a aumentar significativamente. Assim, para averiguar o impacto destas atividades, considerou-se pertinente realizar este estudo numa amostra de 447 alunos, de ambos os sexos, 281 (62,86%) praticantes e, 166 (37,14%) não praticantes de atividades desportivas extracurriculares, com idades compreendidas entre os 6 e os 11 anos de idade, matriculados do 1º Ciclo do Ensino Básico do Município de Oliveira do Bairro. Optamos pela técnica de investigação empírica de análise extensiva – o Inquérito por Questionário – que, entendemos ser a mais adequada aos objetivos traçados. Deste modo, para avaliar se a prática de atividade desportiva extracurricular influência ou não o desempenho escolar, definimos a avaliação do 2º período das disciplinas de Português e de Matemática, como sendo as disciplinas nucleares do currículo escolar destes alunos. Os dados foram tratados de acordo com dois procedimentos de análise, recorrendo ao programa de estatística Statistical Package for Social Sciences (SPSS, 21.0): (i) Análise descritiva recorrendo a valores de frequência absoluta (n), frequência relativa (%), média ( ) e desvio padrão (±s) e (ii) Análise inferencial, aplicando os testes não paramétricos unilaterais, de Mann-Whitney (M-W), para análise do desempenho escolar relativamente à prática de atividade desportiva extracurricular e o teste de Kruskall-Wallis (K-W), para comparar o desempenho escolar com o tempo de prática de atividade desportiva extracurricular semanal. Os resultados demonstram que existem diferenças no desempenho escolar, permitindo-nos inerir que o exercício físico é um fator relevante no desenvolvimento da aprendizagem, conduzindo a um melhor desempenho escolar. Independentemente do ano de escolaridade ou do género, verifica-se uma relação positiva no desempenho escolar das crianças e jovens praticantes de atividades desportivas extracurriculares. No entanto, as raparigas têm um aproveitamento escolar superior ao dos rapazes. Apesar dos resultados obtidos, relativamente ao tempo de prática de atividade desportiva extracurricular semanal, não foram encontradas diferenças no desempenho escolar dos alunos.
The importance of studying the extracurricular sports activities in the children and young people development, and the impact on their school performance has been increasing significantly. Thus, in order to investigate the impact of these activities, it was considered pertinent to carry out this study in a sample of 447 students, of both genders, 281 (62.86%) practitioners and 166 (37.14%) non-practitioners of extracurricular sports activities , aged between 6 and 11 years, enrolled in the 1st Cycle of Basic Education of the Municipality of Oliveira do Bairro. We opted for the empirical research technique of extensive analysis - The Survey - which we consider to be the most adequate to the aims and purposes outlined. Thus, in order to evaluate whether or not extracurricular sport activities influences school performance, we defined the assessment of the second period of the Portuguese and Mathematics disciplines as being the core disciplines of these students' school curriculum. The data were treated according two procedures of analysis, using the statistical program Statistical Package for Social Sciences (SPSS) 21.0: (i) Descriptive analysis, using values of absolute frequency (n), relative frequency (%), mean ( ) and standard deviation (± s) and, (ii) Inferential analysis, applying the unilateral non-parametric tests, Mann-Whitney (MW) to analyze school performance regarding extracurricular sports practice and test of Kruskall- Wallis (KW) to compare school performance with the time of practicing weekly extracurricular sports activity. The results show that there are differences in school performance, evidencing that physical exercise is a relevant factor in the development of learning, leading to a better school performance. Regardless of the school year or gender, there is a positive relation in the school performance of children and young people practicing extracurricular sports activities. However, girls have a higher educational achievement than boys. Despite the results obtained, regarding the time of practice of weekly extracurricular sports activity, no differences were found in the students' school performance.
Descrição
Dissertação de Mestrado em Ensino de Educação Física, nos Ensinos Básico e Secundário
Palavras-chave
Desporto , Sucesso escolar , Escolaridade , Género , Desempenho escolar
Citação