Doenças infeciosas em clínica pediátrica

Data
2013
Título da revista
ISSN da revista
Título do Volume
Editora
Projetos de investigação
Unidades organizacionais
Fascículo
Resumo
Neste estudo, investigou-se a ocorrência das principais doenças infeciosas, responsáveis por grande parte da casuística em clínica pediátrica. Foram recolhidos dados das fichas clínicas de 86 animais suspeitos de doenças infeciosas, com idade inferior a 1 ano, em 2 hospitais veterinários do distrito de Aveiro. Uma segunda parte do estudo consistiu no rastreio de dermatófitos em animais assintomáticos, com idade inferior a 1 ano. A população em estudo foi constituída, maioritariamente, por cães (66,3%), do sexo masculino (59,3%), sem raça definida (43,9%), com estado vacinal incompleto (76,7%) e, na sua maioria, sem coabitantes (65,1%). As variáveis clínicopatológicas foram estudadas, assim como o diagnóstico clínico e/ou laboratorial, o tratamento e a evolução clínica. Foram cultivadas 35 amostras de pelos de animais assintomáticos nos meios DTM® e Mycobiot®. No estudo em questão, destacam-se as doenças víricas, nomeadamente a parvovirose (12,7%), como causa principal de diarreia hemorrágica em cães jovens. Outra doença vírica importante foi o complexo respiratório felino (10,5%), constituído pelo herpesvírus tipo 1 e calicivírus, responsável por afeções respiratórias. A dermatofitose (15,1%) foi a doença infeciosa com maior ocorrência nos animais de companhia, em especial nos gatos. De acordo com os resultados deste estudo, as doenças infeciosas parecem representar uma importante componente da clínica pediátrica.
The present study was conducted in order to investigate the occurrence of the main infectious diseases, responsible for the majority of the pediatric clinic casuistry. Records were collected from clinical sheets of 86 animals, under the age of 1 year, with suspicion of infectious diseases, in 2 veterinary hospitals within the district of Aveiro. A second part of the study consisted in the screening of dermatophytes in asymptomatic animals, less than 1 year of age. The studied population was mainly consisted by dogs (66,3%), of the male gender (59,3%), mixed breed (43,9%), with incomplete vaccination status (76,7%) and the majority had no cohabitants (65,1%). The clinicopathological variables were studied as well as the clinical and/or laboratorial diagnosis, treatment and clinical evolution. Thirty five hair samples, from asymptomatic animals were cultivated using the DTM® and Mycobiot® media. In this study, viral diseases, namely parvovirus (12,7%), were the foremost find as the main cause for hemorrhagic diarrhea in young dogs. Another important viral disease, responsible for respiratory afflictions, was the feline respiratory complex (10,5%), consisted by type I herpes virus and calicivirus. Dermatophytosis (15,1%) was found to be the most occurring infectious disease in companion animals, especially in cats. According to the observed results, infectious diseases appear to represent an important component of the pediatric clinic.
Descrição
Dissertação de Mestrado Integrado em Medicina Veterinária, Ciências Veterinárias
Palavras-chave
Pediatria veterinária , Doenças infeciosas , Animais de estimação
Citação