Efeitos de um programa de complex training, na agilidade com bola, velocidade máxima, na eficácia do cruzamento e do remate em jovens atletas de futebol

Data
2015-09-11
Título da revista
ISSN da revista
Título do Volume
Editora
Projetos de investigação
Unidades organizacionais
Fascículo
Resumo
O Complex Training (CXT) resulta da, combinação do treino da força, com treino pliométrico na mesma sessão. Este método tem sido recentemente utilizado com sucesso na preparação de atletas de várias modalidades. O presente estudo teve como objetivos, primeiramente, testar os efeitos de um programa de CXT com 6 semanas de duração, na agilidade com bola, velocidade máxima, na eficácia do cruzamento e do remate em jovens atletas de futebol; e comparar o efeito de duas sessões semanais de CXT com uma sessão semanal de CXT em adição às sessões regulares de treino de futebol. A amostra foi constituída por 15 adolescentes do sexo masculino praticantes de futebol, posteriormente divididos aleatoriamente em três grupos. Um grupo usufruiu de uma sessão de CXT (GCT1) adicional às sessões semanais de treino de futebol (n = 5; 13.80 ± 0.45 anos de idade); um grupo usufruiu de duas sessões de CXT (GCT2) adicionais às sessões semanais de treino de futebol (n = 4; 14.20 ± 0.45 anos de idade); e um grupo de controlo (CONT) que apenas cumpriu as sessões semanais de treino de futebol (n = 6; 14,20 ± 0.84 anos de idade). Foi efetuada uma análise de variância, (ANOVA) a um fator, para comparação de médias das variáveis em estudo nos diferentes grupos, e uma (ANOVA) para medidas repetidas (2 momentos X 3 grupos), usando como covariavel a escala de Tanner. Não foram identificadas diferenças significativas entre o grupo que usufruiu de duas sessões de CXT e o grupo que usufruiu de uma sessão de CXT. Foram identificadas diferenças estatisticamente significativas (F=1.139; p=0.02; μ=0.531), entre o pré-teste vs pós-teste na eficácia do remate para ambos os grupos experimentais. A adição do CXT mostrou ser um método eficaz e seguro na promoção das capacidades e das habilidades motoras associadas à prática de futebol, entre jovens atletas, em particular no aumento da eficácia do remate.
The Complex Training (CXT) results from, the combination of strength training with plyometric training in the same session. This method has been recently used in the preparation of athletes of various sports. Therefore, the purpose of the present study was to test the effects of an CXT program during 6 weeks, in the agility with ball, sprint, efficiency of the cross and shot in young soccer players; and to compare the effect of two sessions per week of CXT with one session per week of CXT in addition to regular soccer practice. The sample consisted of 15 young boys football players, randomly divided into three groups. One group has done one session of CXT (GCT1) added to the weekly sessions of football training (n = 5; 13.80 ± 0.45 years), while another group has done two sessions of CXT (GCT2) in addition to weekly training sessions soccer (n = 4; 14:20 ± 0.45 years old); the group of control (CONT) only fulfill its weekly sessions of training football (n = 6; 14.20 ± 0.84 years). It was performed an analysis of variance (ANOVA) with one factor for comparison of means of variables in the different study groups, and (ANOVA) for repeated measures (2 times X 3 groups), using as a covariate the Tanner scale. No significant differences were found between the group that has done two sessions of CXT and the group that has done one session of CXT. Significant difference was found (F = 1139; p = 0.02; μ = 0531), in the effectiveness of the shot, in pre-test versus post-test for both experimental groups. In summary, the CXT program shown to be an effective method in promoting abilities and motor skills associated with the practice of football among young athletes, particularly in increasing the effectiveness of the shot.
Descrição
Dissertação de Mestrado em Ensino de Educação Física, nos Ensinos Básico e Secundário
Palavras-chave
Força , Velocidade , Agilidade , Bola , Remate , Cruzamento
Citação