Análise microestrutural de dentes de gato por micro-tomografia computorizada

Data
2022-06-15
Título da revista
ISSN da revista
Título do Volume
Editora
Projetos de investigação
Unidades organizacionais
Fascículo
Resumo
A reabsorção dentária é uma entidade nosológica comum em gatos e que se apresenta clínica e radiologicamente como um defeito nos tecidos mineralizados do dente (esmalte, dentina e cemento). A micro-tomografia computorizada (mCT) é uma tecnologia de imagiologia baseada em raios-X que permite a visualização não invasiva de objetos à escala microscópica, de acordo com a sua radiopacidade e em três dimensões (3D). De igual modo, permite a realização posterior de análises morfológicas e quantitativas dos objetos, como, por exemplo, a determinação da densidade mineral (DM) relativa. O presente trabalho teve como objetivos estudar a DM do dente do gato com recurso à mCT. Paralelamente, pretendeu-se comparar os valores determinados no dente saudável com os valores obtidos no dente com sinais radiográficos de reabsorção dentária. A amostra estudada foi constituída por 11 gatos da raça Europeu Comum, três fêmeas e oito machos, com idades compreendidas entre os dois e os 15 anos, dos quais, por indicação médica, foram extraídos 23 dentes caninos. Estes dentes foram avaliados através de radiografia dentária antes e depois da sua extração, com o objetivo de analisar a presença ou ausência de reabsorção. Com recurso à mCT e ao software CTAn foram determinados os valores da DM relativa da raiz de cada dente e de segmentos específicos correspondendo aos terços coronal, médio e apical da raiz. Nos dentes sem reabsorção, a DM média dos tecidos da raiz foi de 1,402 (± 0,035) g.cm-3, e dos tecidos duros da raiz foi de 1,374 (± 0,040) g.cm-3. Nos dentes com sinais de reabsorção, a DM média dos tecidos da raiz foi de 1,308 (± 0,066) g.cm-3, e dos tecidos duros da raiz foi de 1,228 (± 0,138) g.cm-3. Neste estudo, encontrou-se uma associação significativa (p<0,05) entre a reabsorção dentária e a DM dos tecidos da região estudada. Através da mCT, foi possível determinar os valores de DM média de dentes de gato, assim como, confirmar que a reabsorção dentária induz alterações neste parâmetro. Desta forma, a determinação da DM por mCT pode tornar-se um método auxiliar de diagnóstico de patologia dentária, como complemento de outros exames.
Tooth resorption is common in cats and presents, clinically and radiographically as a defect in the mineralized tissues of the tooth (enamel, dentin, and cementum). Micro-computed tomography (mCT) is an imaging technology based on X-rays that allows non-invasive visualization of objects at a microscopic scale, according to its radiopacity and in three dimensions (3D). Likewise, it allows the subsequent execution of morphological and quantitative analyzes of the objects, such as, for example, the determination of the relative mineral density (MD). The present work aimed to study the DM of cat tooth using mCT. At the same time, it was intended to compare the values determined in the healthy tooth and in the tooth with radiographic signs of tooth resorption. The studied sample consisted of 11 Common European cats, three females and eight males, aged between two and fifteen years old, from which 23 canine teeth were extracted by medical indication. These teeth were evaluated through dental radiography before and after their extraction, to observe the presence or absence of resorption. Using mCT and the CTAn software, the values of relative mineral density of the root of each tooth and of specific segments corresponding to the coronal, middle and apical thirds of the root were determined. In teeth without resorption, the mean DM of root tissues was 1.402 (± 0.035) g.cm-3, and of hard root tissues was 1.374 ± 0040 g.cm-3. In teeth with signs of resorption, the mean DM of root tissues was 1.308 ± 0.066 g.cm-3, and of hard root tissues was 1.228 ± 0.138 g.cm-3. In this study, a significant association (p<0.05) was found between tooth resorption and mineral density values of the studied region. Through mCT, it was possible to determine the mean DM values of cat teeth, as well as confirm that tooth resorption induces changes in this parameter. In this way, the determination of DM by mCT can become an auxiliary method for the diagnosis of dental pathology.
Descrição
Declaro que esta dissertação de mestrado é resultado da minha pesquisa e trabalho pessoal sob supervisão dos meus orientadores. O conteúdo aqui apresentado é original e todas as fontes de informação consultadas estão devidamente mencionadas no texto e na bibliografia final. Declaro ainda que o presente trabalho não foi apresentado em nenhuma instituição para obtenção de qualquer grau académico, sendo exclusivamente apresentado na Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro para obtenção do título de Mestre em Medicina Veterinária
Palavras-chave
Gato , Dente
Citação