A importância dos recursos audiovisuais no ensino do Espanhol como língua estrangeira

Data
2016
Título da revista
ISSN da revista
Título do Volume
Editora
Projetos de investigação
Unidades organizacionais
Fascículo
Resumo
A busca do sucesso escolar é, cada vez mais, um desafio pedagógico. No ensino do Espanhol como língua estrangeira, esta é também uma preocupação real. Para combater o insucesso escolar, o papel do professor será o de lecionar matéria de acordo com o programa curricular. Mas o seu papel vai muito mais além. Perante a realidade da sala de aula, o professor não se deve esquecer de que cada aluno é único e diferente, pelo que as suas estratégias de ensino devem ser diversificadas. Para que o ensino do Espanhol como Língua Estrangeira abranja os diferentes estilos de aprendizagem e tipos de inteligência, há que repensar nos recursos didáticos a utilizar. A planificação das atividades deve ser realizada com rigor pedagógico, didático e científico, devendo-se procurar adequar as atividades à faixa etária dos alunos, às suas motivações, interesses e às suas dificuldades. Para trabalhar as quatro competências linguísticas (ler, ouvir, falar, escrever), o uso de audiovisuais pode manifestar-se muito eficaz. Estes recursos possibilitam o desenvolvimento da compreensão auditiva e da expressão oral, podendo posteriormente ser trabalhadas as competências de escrita e de leitura. Além do mais, a utilização deste tipo de recursos, adequados aos interesses e faixa etária dos alunos, torna a aula mais dinâmica e interessante. O contributo dos audiovisuais para o ensino/aprendizagem da língua estrangeira, apoiado por uma metodologia qualitativa concebida para uma sequência de tarefas comunicativas, pode-se mostrar bastante eficaz e versátil pela sua ligação à realidade do aluno, preparando-o para desenvolver a sua competência comunicativa na sociedade atual. Os recursos audiovisuais revelam-se assim os melhores aliados do professor como instrumentos de auxílio na aquisição de uma língua estrangeira, inseridos num contexto de sala de aula, fazendo a ligação ao mundo exterior.
The pursuit of academic success is, increasingly, an educational challenge. And, in the teaching of Spanish as a foreign language, this is also a real concern. To counter failure at school, the teacher's role, will be the one of teaching subjects according to the curricular programme. However, his/her role goes more beyond, and that why their teaching strategies should be several. For the teaching of Spanish as a Foreign Language to cover the different learning styles and kinds of intelligence, it is necessary to rethink the teaching resources to be used. The planning of activities should be carried out with pedagogical, didactic and scientific rigor and should be sought to adapt the activities to the age of the students, their motivations, interests and their difficulties. To work the four language skills (reading, listening, speaking and writing), the use of audio-visual materials can manifest itself as very effective. This feature enables the development of listening comprehension and oral expression and may subsequently be applied on the writing and reading skills. Moreover, the use of this resource, adequate to the interests and ages of students, makes the class more dynamic and interesting. The contribution of audio-visual materials for teaching / learning foreign language inserted in a qualitative methodology designed for a sequence of communicative tasks can be shown quite effective and versatile for linking to the reality of students, preparing them for the communicative skill in today's society. This way the audio-visual resources reveal themselves the best allies of the teacher as support instruments in acquiring a foreign language, inserted in a classroom setting, making the connection to the outside world.
Descrição
Dissertação de Mestrado em Ensino de Português no 3º Ciclo do Básico e Secundário e de Espanhol nos Ensinos Básico e Secundário
Palavras-chave
Língua espanhola , Ensino/aprendizagem , Línguas estrangeiras , Competência linguística , Competência comunicativa , Ensino , Metodologias , Recursos audiovisuais
Citação