Aplicação móvel para a georreferenciação de percursos acessíveis

Data
2017
Título da revista
ISSN da revista
Título do Volume
Editora
Projetos de investigação
Unidades organizacionais
Fascículo
Resumo
Com a massificação dos dispositivos móveis, mais concretamente os smartphones, abrem-se novas janelas para a criação de aplicações inovadoras, através do uso de tecnologias integradas no seu hardware. Algumas dessas tecnologias, como os sistemas de georreferenciação, permitem a criação de sistemas de localização bastante úteis para as mais diversas áreas. Por outro lado, essas novas ferramentas constituem para as pessoas com necessidades especiais ou incapacidade um contributo precioso para a sua vida, promovendo-lhes segurança, conforto e autonomia. Este trabalho propõe uma análise dos níveis de acessibilidade e usabilidade de aplicações existentes no mercado para dispositivos móveis, numa perspetiva de adequação à usabilidade do perfil de incapacidade específico do utilizador, com especial ênfase na problemática da mobilidade. Como metodologia recorre a um método misto, com uma abordagem quantitativa para identificar os fatores ou conceitos determinantes neste estudo, combinado com uma abordagem qualitativa visando a identificação, avaliação e compreensão dos fenómenos analisados. Não sendo propósito deste estudo a construção de uma aplicação, procede contudo à análise das tecnologias que operam no auxílio a pessoas com necessidades especiais e aponta diretrizes para a sua conceção. Propõe a estrutura de uma aplicação, centrada na especificidade do utilizador, para a autonomia do próprio e de eventuais cuidadores, numa sociedade europeia em acelerado envelhecimento. Com este estudo esperamos contribuir para a identificação das principais características que determinam os níveis de usabilidade e acessibilidade à luz das atuais referências para padronização destes conceitos.
With the massification of mobile devices, more specifically smartphones, new windows are opened to create innovative applications through the use of technologies integrated in its hardware. Some of these technologies, such as georeferencing systems, allow the creation of localization systems that are very useful for a wide range of areas. On the other hand, these new tools constitute for the people with special needs or incapacity a precious contribution to their life, promoting their security, comfort and autonomy. This work analyzes the levels of accessibility and usability of existing applications in the mobile devices market, taking in perspective their suitability to the usability of the specific disability profile of the user, with special emphasis on the mobility problem. As a methodology a mixed method is used, with a quantitative approach to identifying the determinant factors or concepts in this study, combined with a qualitative approach aiming at the identification, evaluation and understanding of the analyzed phenomena. Not being the purpose of this study to build an application, it proceeds to the analysis of technologies that operate to assist people with special needs and points out guidelines for their design. It proposes the structure of an application, centered on the specific nature of the user, for the autonomy of the user himself or of possible caregivers, in a rapidly aging European society. With this study we hope to contribute to the identification of the main characteristics that determine the levels of usability and accessibility considering the current references for standardization of these concepts.
Descrição
Dissertação de Mestrado em Engenharia de Reabilitação e Acessibilidade Humanas
Palavras-chave
Acessibilidades , Mobilidade , Deficiência , Aplicações móveis , Percurso acessível , Incapacidade , Usabilidade
Citação