O feedback pedagógico nas aulas de Educação Física: perceções dos alunos e professores sobre a sua importância

Data
2017-03-02
Título da revista
ISSN da revista
Título do Volume
Editora
Projetos de investigação
Unidades organizacionais
Fascículo
Resumo
É inquestionável o papel da comunicação na orientação do processo de ensino aprendizagem, seja em que contexto se proceda. A transmissão da informação é uma das competências essenciais dos professores, sendo evidente a sua importância na aprendizagem. O presente estudo tem como objetivo analisar a importância do feedback pedagógico (FB) nas aulas de Educação Física (EF). Pretende também compreender como o feedback pedagógico é recebido e percecionado pelos alunos de diferentes níveis de habilidade (mais e menos dotados). O estudo foi realizado recorrendo à metodologia qualitativa, para isso utilizamos uma entrevista semiestruturada para a recolha de dados, junto dos docentes de EF e alunos. A análise e organização dos dados realizou-se mediante a técnica de análise de conteúdo (Bardin, 1977) em categorias e subcategorias (Vala, 1986). Participaram neste estudo dois professores de Educação Física que lecionavam no segundo ciclo e no terceiro ciclo e secundário, respetivamente. Foram observadas três aulas de cada professor/turma, e entrevistados oito alunos no total das duas turmas. Sendo quatro alunos de cada turma, respetivamente dois alunos mais dotados, um rapaz e uma rapariga, e dois alunos menos dotados, igualmente um rapaz e uma rapariga. Perante os resultados obtidos podemos concluir que a grande maioria dos inquiridos, quer os professores, valorizam a importância do FB para aprendizagem nas aulas de EF. Para os professores o FB é uma ferramenta importante na aula pois representa várias funções: transmitir informação, reforço positivo e ou negativo, e de motivação no processo de interação pedagógica, contribuindo desta forma para o bom clima de aula. Neste sentido, os professores assumem que em relação aos alunos menos dotados, as “ligações emocionais” e a gestão das emoções destacam-se, assim, como aspetos nucleares da gestão dos ambientes de aprendizagem provocando um clima de mestria, em detrimento do clima de performance. Os alunos mais e menos dotados, estão em acordo sobre a importância do FB para a aprendizagem e evolução das suas habilidades, contudo, não percecionam comportamentos diferenciados por parte dos professores.
There is no doubt about the role of communication in guiding the teaching-learning process, whatever the context. The transmission of information is one of the core competencies of teachers and its importance is evident in learning. This study aims to analyse the importance of pedagogical feedback (FB) in physical education lessons (PE). It also aims to understand how the pedagogical feedback is received and perceived by students of different levels of skill (the more and the less gifted students). The study was conducted using the qualitative methodology and for this we used a semi-structured interview for data collection among the PE teachers and students. The analysis and organisation of data was performed by means of the technique of content analysis (Bardin, 1977) into categories and subcategories (Vala, 1986). Two Physical Education teachers that taught in the second cycle and third cycle and secondary education, respectively, participated in this study. Three lessons were observed for each teacher/class, and eight students were interviewed out of the total of the two classes. Four students from each class, respectively two more gifted students, a boy and a girl, and two less gifted students, a boy and a girl. In view of the results we can conclude that the vast majority of respondents, including the teachers, value the importance of FB for learning in PE lessons. For teachers, the FB is an important tool in the lesson because it represents several functions: to transmit information, positive and/or negative reinforcement, and motivation in the process of pedagogical interaction, thus contributing to the good atmosphere of the lesson. In this sense, teachers assume that in relation to the less gifted students, the "emotional connections" and the management of emotions stand out, as well as nuclear aspects of the management of learning environments leading to a motivational environment of mastery at the expense of the performance environment. The more and the less gifted students are in agreement about the importance of FB for learning and development of their skills; however, they do not perceive differentiated behaviours on the part of teachers.
Descrição
Dissertação de Mestrado em Ensino de Educação Física, nos Ensinos Básico e Secundário
Palavras-chave
Educação física , Professores , Pedagogia , Feedback , Perceção dos alunos
Citação