Caracterização dos limites das áreas ardidas no distrito de Vila Real (2003-2008)

Data
2012
Título da revista
ISSN da revista
Título do Volume
Editora
Projetos de investigação
Unidades organizacionais
Fascículo
Resumo
No interior norte de Portugal existe uma tendência quase que natural para a ocorrência de incêndios florestais. Entre os muitos fatores que favorecem tais incidentes, destacam-se por um lado os fatores naturais, a vegetação (espécie e quantidade), ambientes meteorológicos favoráveis e o relevo montanhoso, por outro lado, os fatores humanos com o tradicional uso do fogo pelas populações rurais, nomeadamente para revigorar pastos. Nesta dissertação é feita uma análise generalizada às medidas implementadas no nosso país para minimizar os efeitos do fogo sobre a floresta e o que pode ser feito para reduzir o eleva-do número de ocorrências de incêndios e a extensa área ardida. Identificaram-se os incêndios decorridos no distrito de Vila Real (n=183) entre 2003-2008 e caracterizaram-se as respetivas orlas do ponto de vista da ocupação do solo, quantificando a extensão do perímetro final associado a cada tipo de ocupação. Para cada incêndio foi determinada a razão perímetro-área, que indica a complexidade da forma do incêndio que pode estar relacionada com a extinção em tipos de uso do solo ou obstáculos distintos. Foram associados a cada incêndio os índices de perigo meteorológico de incêndio do Sistema Canadiano, uma vez que as condições meteorológicas e o estado de secura da vegetação influenciam fortemente o comportamento do fogo e portanto a capacidade da sua expansão ser influenciada pelo tipo de zona de extin-ção de cada incêndio. Analisou-se a distribuição das orlas dos incêndios por situação de ocupação do solo e de interrupção do combustível para identificar o efeito das variáveis envolvidas. Nos incêndios analisados (n=183) verificou-se que a maior percentagem de extinção de cada incêndio ocorreu em zonas de matos (49%). As extinções em zonas de caminhos e estradas, afloramentos rochosos e floresta apresentam valores mais baixos, embora muito aproximados entre si (13,69%, 13,18% 12,95% respetivamente). Também com alguma relevância aparecem as extinções em zonas de agricultura (7, 52%). As restantes zonas, linhas de água, sociais, corpos de água e agricultura revelaram dados pouco significativos (1,28%, 1,07%, 0,93 e 0,34%), ainda assim com relativa importância para se perceber a extinção de determinados incêndios.
There is a natural tendency to the occurrence of forest fires in northern inland Portugal. Both natural (type and amount of vegetation, favorable weather, steep terrain) and human-related factors such as the use of fire by rural populations to maintain rangelands contribute to this high fire incidence. The measures implemented in Portugal to minimize the effects of fire on forests and to decrease the high number of fires and burned area are mentioned. We identified the fires that occurred in the district of Vila Real between 2003 and 2008 and selected 183 fires whose edges were tipified in terms of land use and obstacles to fire spread, quantifying the extent of perimeter corresponding to each type. The perimeter-to-area ratio was determined for each fire, indicating the fire shape complexity that can be related to the nature of the fire boundaries. Each fire was associated to the indexes of the Canadian Forest Fire Weather Index System, as weather conditions and vegetation dryness strongly influence fire behaviour and so the likelihood of wildfire containment by natural or artificial features. We analyzed the fires edges distribution by land occupation or fuel interruption type to identify the effect of the variables involved. In the examined fires (n=183), we verified that the largest percentage of extinctions occurred in shrubland (49%). Extinctions in areas of roads and paths, rocky outcrops and forests had lower values, respectively of 13,7, 13,2 and 12,9%. Extinctions in agricultural areas also had some relevance (7,5%). The remaining types (waterlines, social, water bodies) were much less significant (10,3-1,3%).
Descrição
Dissertação de Mestrado em Engenharia do Ambiente
Palavras-chave
Vegetação , Combustíveis , Incêndios florestais , Distrito de Vila Real (Portugal) , Comportamento do fogo
Citação