Antropometria e aptidão física no Ensino Básico: avaliação e caracterização da população escolar do 2.º Ciclo do Concelho de Mira

Data
2012
Título da revista
ISSN da revista
Título do Volume
Editora
Projetos de investigação
Unidades organizacionais
Fascículo
Resumo
O presente estudo relaciona-se especialmente com a avaliação de dimensões corporais associadas ao crescimento e com a avaliação da Aptidão Física (ApF). A avaliação do crescimento das crianças e dos adolescentes tem interesse significativo no âmbito da Educação Física (EF) e das Ciências do Desporto. O acompanhamento do processo de crescimento e maturação biológica é por si só e quase desde o seu início, um objetivo específico da disciplina de EF. A ApF é hoje na EF perspetivada com uma forte relação com a promoção da saúde, principalmente no que se refere à prevenção em geral da síndrome metabólico enfatizando particularmente algum alarme social com o aparente ou efetivo aumento significativo da obesidade infantil. O estudo contempla um trabalho de campo realizado com uma amostra constituída por 153 alunos, dos quais 81 são do género masculino e 72 do género feminino com idades compreendidas entre os 10 e os 13 anos a estudar no 2º Ciclo em Mira. Para concretizar a presente pesquisa, recolheram-se dados de caraterização da amostra sobre a sua Atividade Física Habitual (AFH), ApF e caraterísticas antropométricas. No domínio da antropometria e de acordo com o protocolo de Lohman (1988) e Sobral, F.; Coelho e Silva M.; & Figueiredo, A. (2007), recolheram-se dados relativos à altura, massa corporal, dobras cutâneas e perímetros. Para a avaliação da AFH utilizou-se o questionário de Bouchard. No domínio da Aptidão Físico-Motora (AFM) utilizaram-se testes de coordenação motora, flexibilidade, força, resistência e velocidade. Os dados foram registados em fichas e posteriormente tratados estatisticamente nos programas Excel (2010) e SPSS versão 19. O tratamento estatístico permitiu identificar valores descritivos de tendência central e de localização como média, desvio padrão e decis/percentis, relativos a cada uma das variáveis por idade e género. Através de utilização das fórmulas adequadas, calculamos indicadores secundários tais como: o Índice de Massa Corporal (IMC), a Percentagem de Massa Gorda (%MG) e Consumo Máximo de Oxigénio (VO2 Máx.). Nos resultados ficou evidente o valor médio da flexibilidade mais elevado para todas as idades do género feminino. Na componente força, o lançamento da bola de ténis e o salto horizontal são testes marcadamente masculinos, provavelmente relacionados com aspetos ancestrais. Já na força abdominal e preensão manual, estes apresentam resultados mais homogéneos entre géneros.
The present study relates especially to the assessment of body size and growth associated with the evaluation of Physical Fitness (PF) The evaluation of children and adolescents growth has significant interest in the Physical Education and Sport Sciences. Monitoring the process of growth and biological maturation is a specific goal of the discipline of PE. Physical fitness is now viewed in PE with a strong relationship with health promotion, especially in relation to the prevention of metabolic syndrome, in general with particular emphasis to the social alarm of the significant increase in childhood obesity. The present study focuses a field research carried out with a sample of 153 students, of whom 81 are males and 72 females aged between 10 and 13 years to study at the 2nd cycle in Mira. To realize the present study, data were collected from the characterization of the sample on its Habitual Physical Activity (HPA), Physical Fitness and anthropometric characteristics. On the anthropometry field and according to the protocol Lohman (1998) e Sobral, F., Coelho and Silva M., & Figueiredo, A. (2007), were collected data on height, weight, skin folds and circumferences. For the assessment of HPA we used the Bouchard questionnaire. In the field of Physical and Motor Fitness we used tests of motor coordination, flexibility, strength, endurance and speed. Data were recorded on cards and then treated statistically in the Excel (2010) and SPSS version 19. The statistical analysis allowed the identification of descriptive values of central tendency and location as mean, standard deviation and decisions/percetile relating to each of the variables for age and gender. Through use of appropriate formulas, we calculate secondary indicators such as the Body Mass Index, Percent Fat Mass and VO2 Max. On the results became clear the highest average value for all ages of the female gender. The skin fold there is proportionality between them. Regarding the HPA the results showed a clear superiority of time spent in moderate or vigorous activities by the males in relation to the females. In component strength, launching the tennis ball and the horizontal jump tests are markedly male, probably related aspects ancestors. Already in abdominal strength and grip, these results show more homogeneous gender.
Descrição
Dissertação de Mestrado em Ensino de Educação Física dos Ensino Básico e Secundário
Palavras-chave
Aptidão física , Antropometria , Atividade física , Educação física , Crianças , Jovens
Citação