Eficácia da execução do lançamento de Basquetebol em sujeitos destrímanos e sinistrómanos

Data
2017-07-11
Título da revista
ISSN da revista
Título do Volume
Editora
Projetos de investigação
Unidades organizacionais
Fascículo
Resumo
O Basquetebol é um desporto onde a resolução das ações motoras é essencialmente bilateral, pelo que a lateralidade é determinante no processo de aprendizagem do lançamento. A criança e o jovem atleta necessitam estruturar um esquema corporal capaz de compreender as noções espaciais (direita vs esquerda) referentes ao seu corpo e as relações de orientação espacial face aos objetos. Assim, analisamos neste estudo o efeito da lateralidade na eficácia do lançamento. Participaram 44 sujeitos, voluntários, de ambos os sexos, pertencentes aos escalões de sub14 e sub16 (12 raparigas com 12,42±0,51 anos de idade e 32 rapazes com 13,50±1,22 anos de idade, 31 destrímanos e 13 sinistrómanos). Os jogadores executaram a habilidade motora de lançamento em suspensão: 5 lançamentos, em cinco posições, previamente marcadas no solo, com diferentes ângulos de posicionamento em relação ao cesto. Os resultados obtidos não mostraram diferenças estatisticamente significativas que permitam afirmar que a lateralidade, a zona e o percurso de lançamento têm um efeito significativo na exatidão. No entanto, destacamos que: 1) os jogadores sinistrómanos apresentam melhores resultados que jogadores destrímanos; 2) os sujeitos alcançaram melhores resultados na posição neutra e apresentam melhores resultados no lado dominante relativamente ao lado não dominante; 3) o percurso da esquerda para a direita apresenta melhores resultados relativamente ao percurso da direita para a esquerda e jogadores sinistrómanos apresentam melhores resultados no percurso da direita para a esquerda enquanto os jogadores destrímanos apresentam melhores resultados no percurso da esquerda para a direita.
Basketball is a sport where motor actions are essentially bilateral, so laterality is a determining factor in the learning process. The child and the young athlete need to structure a body schema capable of understanding the spatial notions (right vs. left) referring to their body and spatial orientation relations regarding objects. Therefore, in this study we analysed the effect of laterality in the effectiveness of the jump shot. In this study participated 44 subjects, volunteers of both sexes, belonging to the ranks of sub14 and sub16 (12 girls wiht 12.42 ± 0.51 years of age and 32 boys with 13.50 ± 1.22 years old, 31 right-handed and 13 left-handed). The players executed the jump shot motor skill: 5 jump shots, in five positions, previously marked on the ground with different positioning angles in relation to the basket. The results showed no statistically significant differences that allow us to affirm that laterality, zone and route launch have a significant effect on accuracy. However, we point out that: 1) the left-handed players presented better results than right-handed players; 2) subjects achieved better results in neutral position and have better results in the dominant side in relation to the non-dominant side; 3) the path from left to right shows better results regarding the path from right to left and left-handed players present better results in the path from right to left while the right-handed players present better results in the path from left to right.
Descrição
Dissertação de Mestrado em Ensino de Educação Física, nos Ensinos Básico e Secundário
Palavras-chave
Basquetebol
Citação