Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10348/10448
Title: O português e o kimbundu no contexto linguístico angolano: contributos para uma educação bilingue
Authors: Manuel, Mateus
Osório, Paulo
Fernandes, Gonçalo
Keywords: contacto linguístico
português
kimbundu
sintaxe
Issue Date: Jun-2021
Publisher: Peter Lang
Citation: Manuel, Mateus, Paulo Osório & Gonçalo Fernandes. 2021. “O português e o kimbundu no contexto linguístico angolano: contributos para uma educação bilingue”. Interculturalidade e plurilinguismo nos discursos e práticas de educação e formação em contextos pós-coloniais de língua portuguesa, ed. by Maria Helena Araújo e Sá & Carla Maria Ataíde Maciel. Bern: Peter Lang (=Champs Didactiques Plurilingues: données pour des politiques stratégiques, 4): 299-312. DOI: https://doi.org/10.3726/b17981 Internet: https://www.peterlang.com/view/9782807617575/html/24_3__O_portugu_s_e_o_kimbundu_no_c.xhtml
Abstract: Angola é um país plurilingue caraterizado pela presença de três grandes famílias linguísticas. O objetivo do nosso estudo consiste em descrever algumas caraterísticas sintáticas do português e do kimbundu, duas línguas com base genética diferente, porém, faladas num mesmo território. Esta situação de contacto e de coabitação entre duas línguas pertencentes a famílias linguísticas diversas tem proporcionado a discussão da necessidade do surgimento de uma norma angolana com especificidades próprias (António & Osório, 2018), sobretudo no que aos domínios lexicais e morfossintáticos diz respeito. Pretendemos, em termos globais, apresentar o quadro estrutural e funcional da frase em português e em kimbundu, sem esquecermos o facto de que se tratam de duas línguas que integram o plano curricular do sistema de ensino angolano. Não raro, assistimos, em Angola, a grandes dificuldades em determinadas explicações por parte dos professores de Língua Portuguesa, nomeadamente em explicações do género por que os alunos usam a preposição em num contexto em que o verbo seleciona a preposição a ou para. Através de um trabalho empírico, com vista fundamentalmente ao tratamento da oralidade, abordamos os seguintes fenómenos: propriedades morfossintáticas do sujeito e do objeto direto; propriedades morfossintáticas do atributo e do predicativo do sujeito; ordem dos constituintes; regência verbal: abordagem argumental e marcação da posteridade.
Peer Reviewed: yes
URI: http://hdl.handle.net/10348/10448
ISBN: 978-2-8076-1757-5
metadata.dc.relation.publisherversion: https://www.peterlang.com/view/9782807617575/html/24_3__O_portugu_s_e_o_kimbundu_no_c.xhtml
Document Type: Book Chapter
Appears in Collections:DLAC - Capítulo ou Parte de Livro

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
O português e o kimbundu no contexto linguístico angolano.pdf1,26 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis Logotipo do Orcid 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.