Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10348/1665
Título: José Leite de Vasconcelos e o percurso da dialetologia portuguesa
Autor: Guimarães, Rui Dias
Palavras-chave: Dialetologia
variação linguística
historiografia linguística
geografia linguística
Data: 2009
Editora: CEL/Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro
Citação: Ideias Linguísticas na Península Ibérica (séc. XV a séc. XIX): Projeção da Linguística Ibérica na América Latina, África, Ásia e Oceânia - Resumos José Barbosa Machado (org.). Novembro 2009
Resumo: O tema do estudo é o percurso da dialetologia portuguesa a partir de José Leite de Vasconcelos (1858-1941). O problema que formulamos, consiste em detetar algumas fontes que lhe serviram de apoio e distinguir parte do seu legado dialetológico e filológico. Delimitamos este problema à área dos dialetos transmontanos e alto-minhotos, e o galego (1993). O Dialecto Mirandez (Vasconcelos, J. L.:1882) costuma ser apontado como o início da sua investigação em filologia, posteriormente aprofundado em dois volumes, e os estudos «dialectos transmontanos» publicados na Revista Lusitana, em 1890-1892 e em 1895. Segundo alguns autores, Leite de Vasconcelos foi o fundador da dialetologia científica portuguesa. Em termos de fontes que cita, detetam-se as Regras da Língua Portugueza, Espelho da Língua Latina, de Dom Jeronymo Contador de Argote, publicado em 1725 e o Vocabulário Português Latino (1712-1722) de Dom Rafael Bluteau (1638-1734) e Faria y Sousa (1590-1649) os primeiros citados em Esquisse d´une dialectologie portugaise (Vasconcelos, J. L.: 1901) e o último em Opúsculos vol. VI (Vasconcelos, J. L.: 1985). Na Carta Dialectológica de Portugal Continental (1894) Leite de Vasconcelos distingue diversos dialetos do português europeu e em Esquisse D´une dialectologie portugaise (1901) acrescenta-lhe os «dialectos insulares», «os dialectos do ultramar», os «dialectos crioulos» e o «português dos judeus» e mantém os «codialectos portugueses». No Mapa Dialectológico de Portugal Continental (1929) dentro do «dialecto de Trás-os-Montes» distingue três variedades: Peso da Régua, Alijó e Boticas (Barroso). Posteriormente, outros estudos com informação dialetal possibilitaram desenvolvimentos linguísticos sobre o dialeto barrosão (Guimarães, R.:2002) na retoma do legado de indícios de Leite de Vasconcelos. Palavras – Chave: Variação linguística, dialetologia, dialetos, falares, filologia.
Revisão por Pares: yes
URI: http://hdl.handle.net/10348/1665
ISBN: 978-972-669-933-0
Tipo de Documento: Artigo
Aparece nas colecções:OLD - DLAC - Artigo em Conferência Internacional

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
José Leite de Vasconcelos e o Percurso da Dialetologia Portuguesa.pdf149,94 kBAdobe PDFThumbnail
Ver/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis Logotipo do Orcid 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.