Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10348/180
Título: Biomecânica do apoio plantar na subida a ¾ de ponta em dança: Análise da influência da cadência
Autor: Jerónimo, Joana Catarina Lourenço
Orientador: Gabriel, Ronaldo Eugénio Calçada Dias
Palavras-chave: Dança

Biomecânica
Data: 2008
Resumo: O pé é o meio através do qual contactamos o solo. Através dele, percepcionamos as alterações do terreno, o que nos permite manter o equilíbrio, fundamental em dança (Pedersen, 2006). Por isso é um dos seus instrumentos mais importantes, e também um dos mais sobrecarregados. Os bailarinos permanecem a maior parte do tempo em ponta (flexão plantar máxima) ou ¾ de ponta (flexão plantar submáxima), submetendo-o a cargas repetidas, em posições nem sempre anatomicamente correctas (Picon, 2002). O objectivo deste estudo foi analisar a influência da cadência na biomecânica do apoio plantar, durante a subida aos ¾ de ponta. Para isso pedimos a uma amostra de 5 bailarinos da CDA com idades compreendidas entre os 20 e 26 anos de idade de ambos os sexos, que realizassem uma subida a ¾ de ponta, ao quarto tempo nas cadências, 92 Moderato, 108 Allegretto, 120 Marcha, 132 Allegro, no metrónomo da marca Kanako. Foram recolhidos dados temporais, dados de pressão, impulsos absolutos e relativos, para todas as regiões anatómicas, foi ainda recolhido o tempo total de contacto do pé da tarefa e calculados dois ratios de pressão médio-lateral. A análise dos dados revelou a diminuição do tempo de contacto do apoio plantar das diferentes regiões com o aumento da cadência. Os resultados deste estudo demonstram a influência da cadência na pressão plantar. No entanto não ajudam a explicar o elevado número de lesões existentes nesta actividade física e artística, motivo pelo qual consideramos necessária a realização de mais estudos, para colmatar a lacuna existente nesta área.
It’s through the foot that we contact the floor. It allows us to understand the changes in the ground, so that we can keep balance, which is of the most importance in dance (Pedersen, 2006). Because of this, the foot is one of the most important instruments in dance, and so, one of the most overused. Dancers stay most of the time in point (maximum plantar flexion) our in ¾ of point (sub-maximum plantar flexion), subjecting this structure to repetitive loads, most of the time in non anatomic positions (Picon, 2002). The objective of this study was to analyse the influence of rhythm in the biomechanics of plantar support, during the rising to ¾ of point. For this we asked to five CDA dancers from both genders, aged between 20 and 26 years old, that rise to ¾ of point on the fourth time of four different rhythms, 92 Moderato, 108 Allegretto, 120 Marcha, and 132 Allegro, in a Kanaco metronome. There were collected temporal data, pressure data, absolute and relative impulses, from all anatomical areas. There was also collected total foot time contact during the task, to obtain medio-lateral pressure ratios. The analysis of data showed the decrease of plantar support contact time, in all areas, with the increasing of rhythm. This study demonstrates the influence of rhythm in plantar pressure. Nevertheless, the data can’t explain the great injury incidence in this artistical and physical activity. This is why we consider of extreme importance that new studies are conducted in this area.
Descrição: Dissertação de Mestrado em Ciências do Desporto e Educação Física
URI: http://hdl.handle.net/10348/180
Tipo de Documento: Dissertação de Mestrado
Aparece nas colecções:OLD - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
msc_jcljeronimo.pdf
  Restricted Access
686,97 kBAdobe PDFVer/Abrir Request a copy


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis Logotipo do Orcid 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.