Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10348/342
Título: Variabilidade Climática e a Produtividade Vitivinícola de Trás-os-Montes
Autor: Martinho, Magda Marisa Ramada
Orientador: Malheiro, Aureliano Natálio Coelho
Santos, João Carlos Andrade
Palavras-chave: Viticultura
Produtividade
Factor climático
Trás-os-Montes (Portugal)
Data: 2009
Resumo: Em Portugal, e em particular em Trás-os-Montes, a vitivinicultura tem uma grande tradição, sendo uma das mais importantes a nível mundial. Os principais elementos climáticos que influenciam a vinha, e consequentemente o vinho, são a temperatura do ar e a precipitação. Existem variações anuais muito significativas durante o período de um ano, por este motivo é necessário um conjunto de anos para determinar as tendências climáticas duma região. Deste modo, nesta dissertação investigou-se a relação existente entre a variabilidade do clima em Vila Real e a produtividade vitivinícola na região de Trás-os-Montes. O método estatístico adoptado foi a regressão linear, promovendo a criação de um modelo de produtividade da vinha para o período de 1986-2008, tendo como variáveis independentes a precipitação e a temperatura do ar. Para além deste modelo realizou-se uma série de reanálises de campos de temperatura do ar, precipitação e pressão atmosférica. Estas reanálises mostraram que a temperatura do ar foi o principal elemento climático a influenciar a produtividade, uma vez que apresentou um maior número de meses (5) estatisticamente significativos relativamente à precipitação (3). Os resultados mostraram que temperaturas do ar superiores nos meses de Junho, Julho e Outubro indicaram beneficiar o desenvolvimento da vinha, que se manifestará numa maior produtividade vinícola. Pelo contrário, nos meses de Abril e Setembro, temperaturas do ar superiores apontaram para diminuição da produtividade. No mês de Maio, a precipitação indiciou incrementar o crescimento e desenvolvimento da vinha, enquanto para os meses de Setembro e Outubro, a precipitação pareceu ter um efeito negativo. Os resultados obtidos evidenciaram que o clima tem uma forte influência na produção da videira e consequentemente na qualidade de vinho.
In Portugal, and particularly in Trás-os-Montes, viticulture has a great tradition, being one of the most important worldwide. The main climatic factors that influence grapevines, and hence the wine are the air temperature and precipitation. There are significant annual variations during the period of a year and for these reasons a number of years are needed to determine the climatic trends of a region. Thus, this dissertation investigated the relationship between the climate variability in Vila Real and productivity of wine in the region of Trás-os-Montes. The statistical method adopted was the linear regression, promoting the creation of a model of wine productivity for the period 1986-2008, taking the precipitation and air temperature as independent variables. In addition to this model there was a series of reanalyses of fields of air temperature, precipitation and atmospheric pressure. These reanalyses showed that the air temperature was the major climatic element influencing the wine productivity, since had a greater number of months (5) statistically significant in comparison to precipitation (3). The results showed that higher air temperatures during June, July and October would benefit the development of grapevines, which will be manifested in increased wine productivity. On the other hand, in the months of April and September, higher air temperatures pointed to declining productivity. In May, the rainfall increase indicated to encourage the growth and development of vines, while for the months of September and October; the precipitation appeared to have a negative effect. The results showed that the climate has a strong influence on the production of grapes and therefore on the quality of the wine.
Descrição: Dissertação de Mestrado em Engenharia do Ambiente
URI: http://hdl.handle.net/10348/342
Tipo de Documento: Dissertação de Mestrado
Aparece nas colecções:OLD - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
msc_mmrmartinho.pdf43,29 MBAdobe PDFThumbnail
Ver/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis Logotipo do Orcid 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.