Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10348/4658
Title: Avaliação do alargamento do Geoparque Arouca ao território Montemuro e Gralheira: um estudo sobre património geológico e proposta de um plano de desenvolvimento territorial
Authors: Rocha, Daniela Maria Teixeira da
Advisor: Sá, Artur Agostinho de Abreu e
Brilha, José Bernardo Rodrigues
Keywords: Património geológico
Montemuro
Gralheira
Desenvolvimento territorial
Geoparque Arouca
Issue Date: 22-May-2015
Abstract: O Território Montemuro e Gralheira (TMG) abrange uma superfície com uma área aproximada de 1.690 km2, situando-se na zona de transição litoral-interior e integrando sete concelhos do norte-centro de Portugal continental: Arouca, Castelo de Paiva, Castro Daire, Cinfães, S. Pedro do Sul, Sever do Vouga e Vale de Cambra. Situado em posição central no TMG, encontra-se classificado desde 2009 o Geoparque Arouca, membro da Rede Global de Geoparques sob os auspícios da UNESCO, coincidindo com os limites administrativos do concelho de Arouca. Desde então o Geoparque Arouca tem-se imposto como um reconhecido bom exemplo na prática de ações de geoconservação, educação para o desenvolvimento sustentável e geoturismo, que se assumem como pilares fundamentais deste conceito de desenvolvimento territorial. Por esta via, os impactos gerados no desenvolvimento de Arouca suscitaram uma atenção e interesse crescentes por parte dos municípios circunvizinhos membros ADRIMAG, em aderir a esta estratégia de desenvolvimento territorial. Esta vontade, diversas vezes expressa, esteve na origem da seleção da temática de estudo desta tese. O TMG encontra-se certificado desde 2013 pela Carta Europeia de Turismo Sustentável (CETS), pela Federação Europarc, sob a designação Montanhas Mágicas®. O plano de ação da CETS Montanhas Mágicas® e a reavaliação do Geoparque Arouca no ano de 2013 também reforçaram a importância de avaliar a possibilidade de alargamento do Geoparque Arouca ao TMG. O principal objetivo desta tese de doutoramento consistiu na avaliação da extensão da área classificada como Geoparque Arouca ao TMG, nomeadamente através do estudo do seu património geológico, bem como na apresentação de uma estratégia e plano de desenvolvimento com vista o alargamento e classificação do TMG enquanto geoparque. A consecução deste objetivo foi igualmente acompanhada pela caracterização do restante património natural e cultural do TMG, bem como da oferta turística e educativa, com vista à valorização holística deste território. A metodologia adotada no desenvolvimento desta tese envolveu um aturado trabalho de campo e de gabinete, que se desenvolveu ao longo das seguintes etapas fundamentais: i) pesquisa bibliográfica; ii) elaboração dos enquadramentos geológicos e geomorfológicos; iii) trabalho de campo; iv) preenchimento das fichas de inventariação de geossítios; v) produção de mapas do património geológico e das áreas mineiras; vi) avaliação dos geossítios de acordo com a metodologia de Brilha (in press); vii) identificação do restante património natural e património cultural do TMG; viii) caracterização da oferta turística e educativa deste território; ix) realização de uma breve análise SWOT; x) elaboração de uma estratégia e plano de desenvolvimento para o TMG. O trabalho agora desenvolvido permitiu uma atualização do conhecimento científico deste território, consubstanciada no inventário de 69 geossítios, de duas coleções paleontológicas e de nove áreas mineiras. Além disso, na elaboração da estratégia e plano de desenvolvimento para o TMG foi considerada uma realidade territorial que inclui Sítios da Rede Natura 2000 (Serra de Montemuro, Rio Paiva, Serras da Freita e Arada e Rio Vouga), imóveis classificados e património imaterial. Acresce ainda uma oferta turística diversificada que inclui pontos de atendimento, unidades de alojamento, restaurantes, museus/centros de interpretação, percursos pedestres, estações de biodiversidade, zonas balneares e percursos de águas bravas. A esta realidade acresce um conjunto de 11 agrupamentos de escolas e cinco Centros de Formação responsáveis pela formação contínua de todos os profissionais da educação e do ensino, com elevado potencial para a cooperação visando o desenvolvimento de atividades educativas. Com vista a analisar os fatores essenciais inerentes à implementação do Geoparque Arouca à totalidade do TMG apresenta-se nesta tese uma breve análise SWOT, que identifica como problemáticas a discussão acerca da estrutura de gestão e a designação/marca do novo território classificado como geoparque. Neste trabalho propõem-se como estrutura de gestão a AGA, a entidade mais vocacionada para a gestão do novo território geoparque e a fusão das marcas anteriormente referidas, assumindo-se a designação “Arouca Geopark - Montanhas Mágicas”. Apresenta-se igualmente a proposta de estratégia e um plano de desenvolvimento territoriais assentes num conjunto diversificado de 67 ações delineadas e planeadas para serem implementadas no período 2015-2017, de forma concertada e complementar com as ações previstas no plano de ação das Montanhas Mágicas®, território certificado pela metodologia da Carta Europeia de Turismo Sustentável da Federação Europarc. Nesta tese defende-se que caso a estratégia e plano de ação propostos sejam cumpridos estão reunidas as condições para que, no ano de 2017, possa ocorrer a classificação do TMG enquanto geoparque da GGN, ano que coincide com a próxima reavalidação internacional do Geoparque Arouca.
The Montemuro and Gralheira Territory (TMG) covers a surface with an area of approximately 1.690 km2, reaching the coast-interior transition zone and integrating seven municipalities of north-central Portugal mainland: Arouca, Castelo de Paiva, Castro Daire, Cinfães, S. Pedro do Sul, Sever do Vouga and Vale de Cambra. Situated in a central position in TMG and classified since 2009, the Arouca Geopark, member of the Global Geoparks Network under the auspices of UNESCO, coincides with the administrative boundaries of the Arouca municipality. Since then the Arouca Geopark has been recognized as a good example concerning the geoconservation, education for sustainable development and geotourism practices, which are fundamental pillars of this concept of territorial development. This way, the impacts in the Arouca development aroused the attention and also increased the interest from the surrounding municipalities, ADRIMAG members, to join this strategy. This will, repeatedly expressed, led to the selection of the theme of this thesis. The TMG is certified since 2013 with the European Charter for Sustainable Tourism (ECST) by the Europarc Federation, under the name Magic Mountains®. The ECST Magic Mountains® action plan and the revaluation of the Arouca Geopark in 2013 also reinforced the importance of evaluating the possibility of extending the Arouca Geopark to TMG. The main goal of this doctoral thesis was to assess the extension of the Arouca Geopark classified area to the TMG, particularly through the study of its geological heritage as well as the presentation of a strategy and development plan for the extension and classification of the TMG as geopark. To achieve this goal a characterization of the remaining natural and cultural heritage of TMG, as well as tourist and educational provisions, was developed under a holistic valorization perspective of this territory. The methodology used in the development of this thesis involved a thorough fieldwork and office, which was developed along the following basic steps: i) bibliographic research; ii) creation of geological and geomorphological frameworks; iii) fieldwork; iv) filling the forms of the geosites inventory; v) production of maps about the geological heritage and mining areas; vi) evaluating geosites according to the methodology of Brilha (in press); vii) identification of the remaining natural and cultural heritage of TMG; viii) characterization of the tourist and educational provision of this territory; ix) conducting a brief SWOT analysis; x) development of a strategy and action plan for the TMG. The work now developed allowed an update of scientific knowledge in this area based on the inventory of 69 geosites, two paleontological collections and nine mining areas. Moreover, a territorial reality with intangible heritage, with Natura 2000 sites (Montemuro Mountain, Rio Paiva, Freita and Arada mountains and Rio Vouga) was considered in the strategy and action plan for TMG. In addition, a diverse tourism supply, which includes tourism offices, accommodation, restaurants, museums/interpretative centers, pedestrian trails, biodiversity trails, fluvial leisure areas and whitewater sports tracks, and the existence of 11 sets of schools and five training centers responsible for further training of all professionals in education and teaching, with high potential for cooperation on development of educational activities. In order to analyze the essential factors inherent to the implementation of the Arouca Geopark to the entire TMG, a short SWOT analysis identify as problematic discussion the management structure and the name/brand of the new territory classified as Geopark. As management structure, it is proposed AGA as the most dedicated entity to the management of the new geopark territory and also the merger of the mentioned brands assuming the designation "Arouca Geopark - Magic Mountains". A strategy and territorial plan development are based on a diverse set of 67 actions outlined and planned to be implemented in the period 2015-2017, in a concerted and complementary way with the actions of the action plan of Magic Mountains®, a territory certified for the methodology of the European Charter for Sustainable Tourism of the Europarc Federation. This thesis also defends that if strategy and the proposed action plan were fulfilled, the conditions for the TMG being classified as GGN geopark would be satisfied, coinciding with the international revaluation of the Arouca Geopark.
Description: Tese de Doutoramento em Ciências da Terra e da Vida
URI: http://hdl.handle.net/10348/4658
Document Type: Doctoral Thesis
Appears in Collections:TD - Teses de Doutoramento

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
phd_dmtrocha.pdf109,56 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis Logotipo do Orcid 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.