Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10348/5077
Título: Emotion vs cognition in e-learning process: the role of affective computing
Autor: Faria, Ana Raquel Silva
Orientador: Almeida, Ana
Gonçalves, Ramiro
Palavras-chave: Informática
Emoção
Interface homem-máquina
Afeto
Disposição
Aprender
Data: 30-Set-2015
Resumo: As emoções desempenham um importante papel no processo de aquisição e processamento de informação de um indivíduo, pelo que inevitavelmente afetam o seu processo de aprendizagem. Algumas emoções podem ter um efeito positivo, enquanto outras interferem negativamente neste processo. Assim, entender as emoções e o seu efeito sobre a cognição no processo de aprendizagem é um tema atual e muito relevante. Num contexto de aprendizagem tradicional o professor atua como um intermediário entre o aluno e o seu curso de aprendizagem, ele percebe o estado de espirito dos alunos e tenta adaptar o processo de ensino ao seu comportamento e às suas necessidades. Num ambiente de aprendizagem online este papel não existe em tempo real. Assume-se como solução possível para este problema, a introdução de mecanismos que permitam a detecção do estado emocional e a interferência no decurso do processo quando o aluno requer ajuda ou motivação para prosseguir a sua aprendizagem com sucesso. Os alunos, enquanto indivíduos, diferem nas características étnicas, no seu desenvolvimento social, intelectual, físico, psicológico e emocional. Além disso, divergem no que respeita à taxa de aprendizagem, objetivos e motivação, o que torna o seu comportamento enquanto alunos, bastante imprevisível. Neste trabalho suportados na metodologia Design Science Research, propomos uma nova arquitetura para o desenvolvimento de plataformas de aprendizagem. Esta arquitetura permite a detecção do estado emocional do aluno num ambiente de aprendizagem online através da introdução de técnicas de Affective Computing que podem capturar o estado emocional do aluno e assim, permitir adaptar o processo de aprendizagem às suas características e necessidades. A arquitetura desenvolvida, assume que não é apenas a emoção a única variável a considerar numa plataforma de aprendizagem online. A personalidade e o estilo de aprendizagem são fatores de distinção no que respeita à caracterização do aluno, sendo independentes do domínio. Esta arquitetura foi testada por um grupo de estudantes do ensino superior. Os resultados obtidos permitem concluir que a mesma pode suportar e melhorar os resultados de aprendizagem dos alunos.
Emotion plays an important role in knowledge acquisition and processing of an individual. Thus it is assumed that emotions affect the way people learn and that some emotions can help or hinder the learning process. So, the importance of understanding affects and its effect on cognition and it’s in the learning process. In a traditional learning context the teacher serves as a facilitator between the student and his learning course, he easily perceives the student state of mind and adjusts the teaching process to the student’s needs and behaviour. In an online learning environment this real time role does not exist. A possible solution to this problem can be the addition of mechanisms that enable computers to detect and interfere when the student requires help or motivation to proceed with success. Hence, the proposal of a new architecture that applied to learning platforms will try to near the gap between the students and online learning platforms in respect to emotion influence. This architecture will assess the emotional state of the student in an online learning environment by introducing techniques of Affective Computing that can capture the student emotional state and based on that, adapt the course to the characteristics and needs of the student in order to get an improvement in the learning results. Students, as individuals, differ in their social, intellectual, physical, psychological, emotional, and ethnic characteristics. Also, differ in their learning rates, objectives and motivation turning, their behaviour rather unpredictable. Added to emotion, and in order to obtain an effective architecture for online learning, student’s personality and learning style are also considered. The architecture developed was tested by a group of students of higher education in Oporto. The results indicated that the architecture created used can support and improve the student’s results, verifying that a negative emotional state could influence the learning process.
Descrição: Tese de Doutoramento em Informática
URI: http://hdl.handle.net/10348/5077
Tipo de Documento: Tese de Doutoramento
Aparece nas colecções:TD - Teses de Doutoramento

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
phd_arsfaria.pdf9,82 MBAdobe PDFThumbnail
Ver/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis Logotipo do Orcid 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.