Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10348/5274
Título: A Web 2.0 na comunicação política: usos e gratificações dos websites dos partidos políticos portugueses
Autor: Sousa, Carla Sofia Barreira de
Orientador: Meirinhos, Galvão dos Santos
Palavras-chave: Comunicação
Política
Participação política
Website partidário
Data: 1-Dez-2015
Resumo: Na atualidade, verifica-se que a Internet tem sido amplamente utilizada pelos atores políticos como instrumento de comunicação política. Deste modo, esta nova técnica poderá contribuir para o aumento da participação política e para o surgimento do fenómeno relacionado com a democracia digital. Tendo em conta esta nova realidade política e social o objeto de estudo deste trabalho científico é o website partidário. Realizou-se um estudo comparativo com o objetivo de aferir os usos e gratificações decorrentes da utilização de websites partidários por parte de sujeitos com e sem filiação política, em contexto eleitoral. O método utilizado foi o questionário aplicado a uma amostra de 90 indivíduos pertencentes à Universidade de Trás - os - Montes e Alto Douro. Os resultados demonstram que os sujeitos filiados têm tendência a utilizar com maior frequência os websites partidários, comparativamente com os indivíduos não filiados. Ambos os sujeitos o fazem para satisfazer necessidades cognitivas, que não vêm satisfeitas nos outros meios de comunicação. Os sujeitos filiados são mais entusiastas quanto à ideia de que os websites podem contribuir para o aumento da participação política e da democracia digital. Esta investigação contribui para fornecer dados adicionais sobre os usos e gratificações dos novos media, mais concretamente no que concerne à utilização dos websites partidários. Também levanta novas questões sobre a comunicação política nos novos media, através de uma metodologia que pode ser replicável em futuros estudos.
At present, it appears that the Internet has been widely used by political actors as an instrument of political communication. Thus, this new technique may contribute to increased political participation and the emergence of the phenomenon related to digital democracy. Given this new political and social reality the object of study of this scientific work is the party website. We conducted a comparative study in order to assess the uses and gratifications arising from the use of party websites by subjects with and without political affiliation, electoral context. The method used was a questionnaire applied to a sample of 90 individuals belonging to the University of Trás - os - Montes and Alto Douro. The results demonstrate that the affiliates subjects tend to use most often partisan websites, compared with non-affiliated individuals. Both guys do to satisfy cognitive needs, which do not come satisfied in other media. The members subject are more enthusiastic about the idea that websites can contribute to increased political participation and digital democracy. This research helps to provide additional data on the uses and gratifications of new media, specifically regarding the use of party websites. It also raises new questions about political communication in new media, through a methodology that can be replicated in future studies.
Descrição: Dissertação de Mestrado em Ciências da Comunicação: Comunicação Pública, Política e Intercultural
URI: http://hdl.handle.net/10348/5274
Tipo de Documento: Dissertação de Mestrado
Aparece nas colecções:TD - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
msc_csbsousa.pdf2,09 MBAdobe PDFThumbnail
Ver/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis Logotipo do Orcid 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.