Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10348/5408
Título: O texto não literário como fomento da oralidade na aula de espanhol como língua estrangeira
Autor: Domingues, Mara Lisa Minhava
Orientador: Fernández Rodríguez, Rebeca
Palavras-chave: Língua espanhola
Ensino/aprendizagem
Oralidade
Texto não literário
Abordagens comunicativas
Data: 2014
Resumo: Com o presente trabalho, demonstraremos de que forma o recurso a textos não literários, ou seja, a textos nos quais predomina a objetividade, a função informativa, a vertente utilitária, a denotação, a coloquialidade, pode funcionar como uma estratégia privilegiada para mobilizar, nos alunos, capacidades e competências ao serviço do desenvolvimento da oralidade. São vários os estudos sobre a importância do desenvolvimento da expressão oral nas aulas de espanhol como língua estrangeira, embora escasseiem (tanto quanto nós tenhamos conhecimento) os estudos sobre as potencialidades do texto não literário no fomento desta competência. E foi, precisamente, com este intuito que surgiu a ideia de se enveredar por este caminho ainda pouco explorado. No decurso desta reflexão, demonstramos, de igual modo, de que forma o professor se constitui como um pilar no desenvolvimento da expressão oral dos alunos, na medida em que está inteiramente comprometido com o processo de ensino-aprendizagem, competindo-lhe agir com saber e arte, planificando de forma rigorosa, tendo em conta a especificidade do grupo-turma que tem diante de si, muito embora se dê especial ênfase ao papel dos alunos, enquanto construtores do seu conhecimento. Pretendemos, também, deixar aqui um contributo para a melhoria da expressão oral dos alunos (competência esta fundamental num mundo cada vez mais globalizante), nomeadamente através do recurso a diferentes tipos de textos não literários, pelo que dedicamos um capítulo à proposta de atividades didáticas.
This paper will show how the usage of non-literary texts, there is to say objective, informative, practical, denotative and colloquial texts, can be a privileged strategy to activate, in students, abilities and skills to develop oral communication. There has been done a lot of research on the importance of developing the oral skills in classes of Spanish as a foreign language, not so many (as far as we know), though, on the richness of non-literary text to address this specific skill. Being this the reason why such an unexplored path was chosen. Throughout this paper, we also demonstrate how a teacher becomes a key element in students’ oral skills development, to the extent that he/she is fully engaged in the learning-teaching process, so he/she must act with knowledge and wisdom, planning carefully, according to the specificities of the targeted group, even though students’ role is emphasized while builders of their own knowledge. Moreover, we intend to contribute to students’ oral communication skills (a crucial competence in such a global world), mainly using different types of non-literary texts, reason why we dedicate a whole chapter to some teaching activities suggestions.
Descrição: Dissertação de Mestrado em Ensino de Português no 3º Ciclo do Ensino Básico e Ensino Secundário e de Espanhol nos Ensinos Básico e Secundário
URI: http://hdl.handle.net/10348/5408
Tipo de Documento: Dissertação de Mestrado
Aparece nas colecções:TD - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
msc_mlmdomingues.pdf
  Restricted Access
4,02 MBAdobe PDFVer/Abrir Request a copy


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis Logotipo do Orcid 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.