Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10348/5866
Título: Variabilidade do potencial eólico offshore na Península Ibérica: presente e cenários futuros
Autor: Fernandes, Carolina Raquel Barbosa
Orientador: Liberato, Margarida Lopes Rodrigues
Santos, João Carlos Andrade dos
Palavras-chave: Energias renováveis
Península Ibérica
Energia eólica (offshore)
Póvoa de Varzim (Portugal)
Alterações climáticas
Data: 6-Mai-2016
Resumo: As alterações climáticas são um reflexo de más práticas energéticas, quer pela baixa eficiência no uso dos recursos, quer pelos tipos de energia que são utilizados. Sendo assim, é urgente a adoção de tecnologias ambiental e economicamente sustentáveis para que possamos mudar o paradigma energético atual. O desenvolvimento de tecnologias limpas que respeitem o ambiente é um desafio do nosso tempo. A energia eólica é uma das energias renováveis com grande viabilidade futura, pois está amplamente distribuída por todo o globo e as suas emissões de gases com efeito de estufa (GEE) são residuais. Mas visto que esta energia já está bastante desenvolvida no espaço onshore, há agora a necessidade de avaliar o aproveitamento do enorme potencial offshore. Este trabalho tem como principal objectivo proceder ao cálculo do potencial eólico offshore na Península Ibérica, para o presente e para as próximas décadas, tendo em conta cenários de alterações climáticas, analisando os campos médios e a sua variabilidade. Finalmente avaliam-se ainda as regiões mais propícias à instalação de um parque eólico offshore. Para este efeito foram utilizadas simulações de cadeias de modelos global/regional – GCM/RCM, para condições recentes (1961- 2000) e futuras (2041-2070) de clima. O modelo oceano-atmosfera - ECHAM/MPIOM dá-nos condições de fronteira para o modelo RCM e simula os efeitos crescentes das concentrações de GEE. Para estimar o potencial eólico offshore na Península Ibérica foi utilizada uma turbina Vestas V80-2.0 MW. A análise foi realizada para quatro regiões da Península Ibérica: costa Cantábrica, Oceânica, Sul e costa Levantina. Os resultados do estudo destacam que, para condições de clima passado recente, a costa com maior potencial é a costa Cantábrica, e a costa com potencial mais baixo é a costa Levantina. Para cenários futuros os resultados sugerem que o potencial eólico offshore diminuirá e a sua variabilidade aumentará em toda a Península Ibérica. Contudo é importante referir que estes valores são sempre mais elevados do que em regiões onshore. Finalmente este estudo permite concluir que uma das regiões mais adequadas, do ponto de vista da variabilidade climática, à instalação de parques eólicos offshore é a região ao largo da Póvoa do Varzim.
Climate changes are, among other factors, a reflection of bad energy practices, either by the low efficiency of resource or by the types of energy that are used. Therefore it is urgent to adopt an environmental and economical sustainable technology so we can change the current energy paradigm. In particular offshore wind power generation may have significant future viability since it is widely distributed across the globe and its GHG emissions are residual. But since this energy is already well developed within onshore, there is now a purpose to evaluate the huge offshore potential. This study aims at evaluating the potential of the offshore wind resource for the Iberian Peninsula, using simulations from the regional climate model COSMO-CLM, with spatial resolution of approximately 20 km. The model was driven by ERA-40 reanalysis for the recent past period (1961-2000) and was driven by ECHAM5 (global climate model) under future climatic conditions (2041-2070; SRES A1B scenario). To estimate the wind potential energy an offshore wind turbine Vestas V80-2.0 MW is considered. The analysis is performed on the Iberian Peninsula coastal areas, which are further divided into four sectors: Cantabrian, Atlantic, South and the Levantine coasts. Results reveal that, for present climate conditions the coast with the most potential is the Cantabrian coast and the coast with lower potential is the Levantine coast. For future scenarios the potential will be smaller, while its variability will increase. Nevertheless it is worth mentioning that these values remain always higher than the onshore wind energy potential on Iberia. Finally this study shows that one of the most suitable regions, from the point of view of climate variability, for the installation of offshore wind farms, is the region of Póvoa do Varzim.
Descrição: Dissertação de Mestrado em Engenharia de Energias
URI: http://hdl.handle.net/10348/5866
Tipo de Documento: Dissertação de Mestrado
Aparece nas colecções:TD - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
msc_crbfernandes.pdf19,83 MBAdobe PDFThumbnail
Ver/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis Logotipo do Orcid 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.