Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10348/6144
Title: Wildlife management in conservations parks: general and veterinary intervention
Authors: Oliveira, Catarina Cabral
Advisor: Angelucci, Simone
Almeida, José
Keywords: Lobo
Monitorização
Imobilização
Bem estar animal
Ecossistema
Issue Date: 29-Jun-2016
Abstract: A minha dissertação de mestrado está intitulada de “Wildlife management in conservation parks – general and veterinary intervention” (Gestão e conservação da vida selvagem em parques – intervenção geral e veterinária), sendo este um tema bastante abrangente, que tentei explorar na sua plenitude dentro do que foi possível, tendo, no entanto, elegido como área de destaque a gestão e monitorização de uma das mais emblemáticas e controversas espécies, o lobo (Canis lupus). O meu estágio foi efectuado no Parque Nacional de Majella, na região de Abruzzo em Itália. A criação de áreas protegidas, é uma mais valia na conservação da natureza e dos seres que lá habitam. Embora nem sempre de forma pacífica o parque representa o elo/ligação entre a natureza e as pessoas, através de educação ambiental, promoção actividades (para aumentar o contacto do homem com a natureza), prevenção e redução de conflitos entre homem e predadores, entre outras áreas de intervenção. O ecoturismo passou a ser uma ferramenta de “sobrevivência” para as pequenas populações e habitantes (humanos e selvagens) que habitam no parque. A possibilidade de acompanhar a gestão, funcionamento e medidas de conservação de um parque, através do contacto com uma equipa multidisciplinar, proporcionou – me uma experiência bastante enriquecedora, a nível profissional e pessoal. Como o parque engloba todo o ecossistema tive a oportunidade de expandir os meus conhecimentos sobre fauna, flora, história, cultura e pessoas. Neste documento são abordados os métodos de monitorização animal, invasivos e não invasivos, que permitem a obtenção de informação geral sobre o ecossistema ou informação somente referente à espécie alvo. Estas técnicas podem ser seguidas pela captura de animais cujo método vai depender da espécie animal, no caso do lobo é usado uma armadilha de perna, que é construída pela armadilha em si, laço, âncora, sistema de alarme e isco. O protocolo de imobilização química a aplicar ao animal armadilhado varia de acordo com a preferência e experiência do médico veterinário, tendo sempre em conta as acções farmacológicas e interacções dos fármacos, acompanhado de uma avaliação do estado geral e monitorização de alguns parâmetros vitais (pelo menos da frequência cardíaca, respiratória e temperatura). Durante a imobilização são efectuadas colheita de amostras biológicas, avaliação de lesões, medidas biométricas e feitas fotografias. No fim do processo de imobilização é colocado um colar com um rádio emissor ou outro meio de telemetria que após a libertação do animal permita obter informações sobre a sua fisiologia, comportamento e ecossistema onde ele vive. A natureza é alvo de constante ameaça, tanto directa como indirectamente. O papel dos parques (embora utópico), reside na gestão equilibrada e sustentável dos recursos naturais, conjuntamente com a promoção de um ecoturismo, com a integração da população. Infelizmente por vezes o “valor” financeiro sobrepõe – se ao valor conservacionista. Sendo que todos os esforços devem ser implementados tanto por parte dos profissionais da área, mas também por parte do cidadão comum, de zelar pelo bem mais precioso que temos, a natureza.
My thesis of master degree is entitled “Wildlife management in conservation parks - general and veterinary intervention”, being this a very comprehensive theme, which I tried to explore, as much as possible, in its plenitude. However, I elected to highlight the management and monitorization of one of the most emblematic and controversy species, the wolf (Canis lupus). My internship was performed on Majella National Park, on Abruzzo, Italy. The creation of protected areas is a benefit to the conservation of nature and of the beings, whom inhabit it. Although not always in a pacific way, the park represent the link/connection between nature and people, through environmental education, promotion of activities (to increase the contact of man with nature), prevention and reduction of conflicts between human and predators among other intervention areas. The ecotourism became a “survival” tool to small populations and inhabitants (humans and wildlife) of the park. The possibility of accompanying the management, functional and conservation measures of a park, through the contact with a multidisciplinary team, provided me with a very enriching personal and professional experience. As the park involves the entire ecosystem, I had the opportunity to expand my knowledge on fauna, flora, history, culture and people. This document approaches the methods of animal monitoring, invasive and non invasive, which allows the acquisition of general information on the ecosystem or information regarding only the target specie. These techniques can be followed by the capture of the animals, which influence the method of choice, in the case of the wolf, a leg hold is used, which is constructed by the trap itself, the snare, anchor, alarm system and bait. The immobilization protocol applied to the trapped animal varies in accordance to the experience and preference of the veterinary, always considering the pharmacological actions and drugs interactions and in also, to the evaluation of the general health status of the animal and monitoring of vital parameters (at least heart and breathing rate and body temperature). During the immobilization, it is performed the collection of biological samples, evaluation of lesions, biometric measures and photos. In the end of the immobilization process it is placed a collar with a radio transmitter or another telemetry device which after the release of the animal allows the attainment of information on their physiology, behaviour and ecosystem. Nature is target to constant direct and indirect threat. The purpose of the park (although utopian), resides on the balanced and sustainable management of the natural resources, in addition to the promotion of an ecotourism, with the integration of the population. Unfortunately, sometimes the economic “value” overlaps the conservationist value. All effort must be applied on the professional side, but also on the citizens’ part, in order to care for the most precious asset, nature.
Description: Dissertação de Mestrado Integrado em Medicina Veterinária
URI: http://hdl.handle.net/10348/6144
Document Type: Master Thesis
Appears in Collections:TD - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
msc_ccoliveira.pdf3,5 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis Logotipo do Orcid 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.