Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10348/7789
Título: Abcesso do carniceiro no cão
Autor: Cunha, Marta de Jesus Ramos
Orientador: Viegas, Carlos Alberto Antunes
Ferreira, Bruno Miguel Tavares
Palavras-chave: Medicina veterinária
Odontologia
Abcesso periapical
Abcesso periodontal
Implantação dentária endo-óssea endodôntica
Cão
Abcesso do carniceiro
Data: 3-Jul-2017
Resumo: O Abcesso do Carniceiro é uma lesão dentária periapical crónica que acomete principalmente o quarto pré-molar maxilar e é uma das lesões periapicais mais frequente no cão. O presente trabalho teve como principal objetivo o estudo destas lesões, em 82 cães que se apresentaram à consulta no Hospital Referência Veterinária Montenegro, com suspeita de abcesso do carniceiro, no período compreendido entre os anos de 2012 a 2016. Para além deste objetivo principal propusemo-nos sugerir uma nova classificação para os abcessos dentários nos carnívoros domésticos e determinar na amostra estudada e nas condições em que o referido trabalho foi realizado, o tipo de abcesso dentário mais prevalente e respetivas características. Da amostra inicialmente considerada, selecionaram-se apenas os animais com um diagnóstico definitivo de abcesso dentário, donde resultaram 76 animais com 92 abcessos dentários maxilares. Estes animais foram clinicamente avaliados e distribuídos em vários grupos, de acordo com a informação obtida através do programa de gestão Winvet®, da realização do exame estomatológico-dentário detalhado, do exame radiográfico intraoral e da análise estatística dos dados. Desta forma, foi possível caracterizar os abcessos dentários da amostra em abcessos periodontais-endodônticos (84/92 – 91,30%) e abcessos periapicais (8/92 – 8,70%). Verificou-se que em 90,24% (74/82) dos animais a suspeita inicial de diagnóstico não se confirmou, dando ênfase à importância que a realização de exames complementares de diagnóstico tem na emissão do diagnóstico definitivo, evitando assim a implementação de estratégias erróneas de tratamento. A nova classificação por nós sugerida para os abcessos dentários, tendo em conta a origem primária e os efeitos secundários destas lesões, surgiu devido à dificuldade de definir e classificar os abcessos dentários neste estudo, visto que a bibliografia sobre esta temática é controversa e escassa. Concluiu-se também que a utilização do termo “Abcesso do Carniceiro” não é adequada, pois pode gerar confusão e erros na prática clínica.
The Carnassial Tooth Abscess is a chronic periapical dental lesion that mainly affects the maxillary fourth premolar and is one of the most frequent periapical lesions in dogs. The present study had as main objective the study of these lesions, in 82 dogs that were presented at the Hospital Referência Veterinária Montenegro consultation, with suspicion of carnassial tooth abscess, between the years 2012 to 2016. In addition to this objective, we suggested a new dental abscesses classification for domestic carnivores and we determined in the studied sample and under the work conditions indicated, the most prevalent type of a dental abscess and its related characteristics. Of the initial sample, were selected only the animals with a dental abscess definitive diagnosis, which resulted in 76 animals with 92 maxillary dental abscesses. These animals were clinically evaluated and distributed in several groups, according to information obtained through the Winvet® management program, detailed dental examination, intraoral radiographic examination, and data statistical analysis. In this way, it was possible to characterize the sample dental abscesses in periodontal-endodontic abscesses (84/92 - 91.30%) and periapical abscesses (8/92 - 8.70%). It was verified that in 90.24% (74/82) of the animals was not confirmed the initial diagnosis suspicion, emphasizing the importance that the complementary diagnostic tests accomplishment has in the issuance of the definitive diagnosis, thus avoiding the implementation of wrong strategies treatment. The new dental abscesses classification suggested, taking into account the primary origin and the secondary effects of these lesions, appeared due to the difficulty of defining and classifying dental abscesses in this study since the bibliography on this subject is controversial and scarce. It was also concluded that the use of "Carnassial Tooth Abscess" term is not appropriate since it can generate confusion and errors in clinical practice.
Descrição: Dissertação de Mestrado Integrado em Medicina Veterinária
URI: http://hdl.handle.net/10348/7789
Tipo de Documento: Dissertação de Mestrado
Aparece nas colecções:TD - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
msc_mjrcunha.pdf2,95 MBAdobe PDFThumbnail
Ver/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis Logotipo do Orcid 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.