Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10348/7834
Title: Fatores associados às reprovações totais e às reprovações do aparelho reprodutor em bovinos
Authors: Barbosa, Maria da Glória Moreira
Advisor: Fontes, Maria da Conceição Medeiros de Castro
Coelho, Ana Cláudia Correia
Keywords: Inspeção sanitária
Genitália feminina
Fatores de risco
Inspeção de carnes
Reprovação total
Issue Date: 2016
Abstract: A Inspeção Sanitária é uma área da medicina veterinária com diversas valências. As funções do Médico Veterinário Oficial, quer de auditoria, quer de inspeção, conferem-lhe um papel importante a nível do bem-estar animal, do controlo das doenças que os afetam bem como da salvaguarda da saúde pública. Neste trabalho pretende-se não só determinar as causas que têm maior impacte atualmente na saúde dos bovinos enviados para abate, como também perceber quais as patologias do aparelho reprodutor feminino têm maior impacte de maneira a fazer um relato da situação atual. Para o estudo das causas de reprovação total de bovinos consideramos os dados de 9243 bovinos que foram abatidos no matadouro, sendo a prevalência de reprovações neste estudo de 1,57% (IC 95%: 1,32%-1,82%), em que 91,8% (n=134) dos bovinos reprovados eram fêmeas e 8,2% (n=12) eram machos. As causas de reprovação principais foram lesões de osteíte/osteomielite purulenta (24,7%), peritonite fibrino-purulenta (14,4%) e pneumonia purulenta (6,8%). No estudo dos fatores associados à reprovação total de bovinos, verificámos que algumas das variáveis estudadas, nomeadamente, a raça, a aptidão do animal, o estatuto sanitário da exploração e a localização da exploração de origem se encontravam associadas a algumas causas de reprovação total, nomeadamente a tuberculose, osteíte/osteomielite purulenta e caquexia. No estudo relativo às reprovações parciais do aparelho reprodutor feminino de bovinos, a nossa amostra incluiu 728 animais, dos quais 350 (47,6%) sofreram reprovação, sendo que 219 (30,1%) destes apresentavam-se gestantes. No estudo dos fatores associados à reprovação do aparelho reprodutor feminino de bovinos verificou-se que a localização da exploração de origem se encontrava associada a algumas causas de reprovação parcial do aparelho reprodutor, nomeadamente a piómetra e endometrite.
Sanitary Inspection is an area of veterinary medicine with different valences. The Official Veterinarian, within his audit and inspection tasks it has an important role in terms of animal welfare, control of animal and protection of public health. In this work it is pretended not only determine the main causes that currently have the greatest impact on the health of bovines sent to slaughterhouse, but also try to describe the main pathologies observed in the female reproductive tract, thereby try to know the impact of current situation. In this study, for the whole carcass condemnation (WCC), it was used the data of 9243 bovine that were slaughtered, being the prevalence of WCC in this study 1.57% (CI 95%: 1.32%-1.82%), in which 91.8% (n=134) of animals condemned were females and 8.2% (n=12) were males. The main causes of WCC were purulent osteitis/osteomyelitis (24,7%), fibrin-purulent peritonitis (14,4%) and purulent pneumonia (6,8%). In the study of factors associated with WCC, we observed that some of the variables studied, namely, the breed, type of herd, sanitary status and localization of farm where associated with some causes of WCC, namely tuberculosis, purulent osteitis/osteomyelitis and emaciation. For the study of female reproductive system rejections, we used data of 728 bovines, of which 350 (47,6%) were condemned, but from these 219 (30,1%) were pregnant. In the study of factors associated with female reproductive system condemnation we verified that localization of farm was associated to some lesions, like pyometra and endometritis.
Description: Dissertação de Mestrado Integrado em Medicina Veterinária
URI: http://hdl.handle.net/10348/7834
Document Type: Master Thesis
Appears in Collections:TD - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
msc_mgmbarbosa.pdf3,12 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis Logotipo do Orcid 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.