Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10348/8358
Title: A investigação em didática da álgebra linear: uma perspetiva do seu contributo para o ensino por meio da reflexão sobre a prática
Authors: Gonçalves, Ricardo Jorge Castro
Advisor: Costa, Maria Cecília Rosas Pereira Peixoto da
Catarino, Paula Maria Machado Cruz
Keywords: Ensino de álgebra linear
resultados de investigação
desenho de ensino
práticas de ensino
desenvolvimento profissional
Issue Date: 15-Jan-2018
Abstract: Este estudo procura tornar mais consequentes os resultados de investigação conhecidos na área da didática da álgebra linear, por via da reflexão de um professor de álgebra linear sobre a própria prática. A investigação assenta no problema “Que práticas de ensino concorrem com as orientações do movimento internacional em didática da álgebra linear?” e tem como objetivos principais: alargar o espetro da materialização dos resultados de investigação conhecidos, apresentando uma possível interpretação das sugestões didáticas e a sua concretização, quer num possível texto de álgebra linear, quer no terreno; contribuir para a construção do conhecimento sobre as práticas de ensino e desenvolvimento profissional dos professores de álgebra linear; sensibilizar para a mudança no ensino de álgebra linear. Segundo o método de investigação-ação, no contexto do desenvolvimento de uma investigação de natureza qualitativa e segundo o paradigma sociocrítico, é percorrido um ciclo com a seguinte sequência: (1) planeamento – elaboração de um texto original de álgebra linear, congregando extensivamente as principais recomendações didáticas, e uma fundamentação daquele texto para antecipar o modo como foram interpretadas e concretizadas; (2) ação – implementação do desenho de ensino, materializado no texto original de álgebra linear, numa turma do professor-investigador do curso de engenharia elétrica de uma instituição pública portuguesa de ensino superior politécnico, acrescida da construção das narrações multimodais de algumas aulas; (3) observação – análise de conteúdo das narrações multimodais, guiada por dimensões retiradas do quadro teórico; (4) reflexão – como um segundo momento da análise, considerando o sistema de categorias resultante da etapa anterior na análise comparativa com o texto original de álgebra linear e a sua fundamentação (dados que antecipam a expectativa quanto ao que é possível concretizar na aula) e o “diálogo” com a literatura.A investigação visa responder à seguinte questão: “Como é que um professor de álgebra linear pode desenvolver um desenho de ensino que incorpore extensivamente as recomendações didáticas conhecidas? Que dificuldades e oportunidades estão subjacentes à ação de implementação do desenho de ensino na sala de aula?”. As opções metodológicas consideradas conduziram às seguintes conclusões:
1. O estudo revela uma forma pessoal, particular e possível de serem interpretados os resultados de investigação recolhidos na literatura da área, subentendendo a clareza de alguns e as dificuldades de contornar a subjetividade de outros. 2. O estudo conduziu à possibilidade de serem criados materiais pedagógicos (um texto original de álgebra linear, uma adenda a este texto e cinco narrações multimodais), refletindo o seu significado e contributo para a comunidade profissional. 3. O estudo teve implicação na prática pessoal do professor-investigador no ensino de álgebra linear. 4. O estudo destaca a importância da dualidade de papéis desempenhados pelo mesmo sujeito, ora como professor e com a função de aplicar conhecimento, ora como investigador e com a função de produzir conhecimento. 5. A construção de mapas conceptuais revelou-se uma das estratégias abordadas na literatura que permite melhorar o ensino de álgebra linear, constituindo-se como uma forma preponderante de potenciar a relação entre os conceitos e como um possível mecanismo regulador das aprendizagens. 6. As dificuldades intrínsecas à implementação do uso da tecnologia em sala de aula são ultrapassáveis e não invalidam o aproveitamento e a relevância de muitas das funções que facultam para o ensino e para a aprendizagem da álgebra linear. 7. A resolução de tarefas e a exploração das aplicações que se podem associar a muitos dos conceitos de álgebra linear criam novas oportunidades para o desenvolvimento conceptual, embora coloque também novos desafios ao professor quanto à forma de atuar em sala de aula. 8. Pela relação entre as oportunidades e as dificuldades elencadas, poder-se-á concluir que o desenho de ensino ganha consistência como uma forma a considerar no ensino de álgebra linear, sem, no entanto, se ter conseguido atenuar algumas das dificuldades já apontadas na literatura.
URI: http://hdl.handle.net/10348/8358
Document Type: Doctoral Thesis
Appears in Collections:TD - Teses de Doutoramento

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
PHD-DCT_Ricardo Gonçalves-52270_versão final_CD.pdf
  Until 2021-01-15
12,67 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open Request a copy
PHD-DCT_Ricardo Gonçalves-52270_VOLUME I.pdf2,86 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis Logotipo do Orcid 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.