Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10348/8619
Título: Capacitação dos colaboradores da Câmara Municipal de Vila Real sobre Suporte Básico de Vida: relação com a autoestima
Autor: Carril, Élia Susana Batista
Orientador: Monteiro, Maria João Filomena Dos Santos ...
Pereira, Maria Da Conceição Alves Rainho ...
Palavras-chave: Suporte básico de vida
conhecimento
competências
autoestima
Data: 20-Mar-2018
Resumo: O presente relatório enquadra-se no desenvolvimento da unidade curricular Estágio e Relatório (2º ano) do Mestrado em Enfermagem Comunitária da Escola Superior de Saúde da Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro, que decorreu de 14 de setembro de 2015 a 29 de janeiro de 2016 e visava o desenvolvimento de competências específicas nesta área do conhecimento. No decurso do mesmo desenvolvemos um estudo empírico intitulado “Capacitação dos colaboradores da Câmara Municipal de Vila Real sobre suporte básico de vida: relação com a autoestima”. Em Portugal as doenças cardiocirculatórias continuam a ser a principal causa de morte, tal como em todos os países europeus. De acordo com o relatório da Direção Geral da Saúde “Doenças cérebro- cardiovasculares em números – 2013”, as mortes por doenças do aparelho circulatório em 2012 situavam-se nos 30,4%, tendo um importante impacto económico que resulta das sequelas, bem como dos crescentes custos relacionados com o seu tratamento. Apesar dos desenvolvimentos científicos e técnicos da medicina, o prognóstico da paragem cardiorrespiratória não melhorou de forma significativa. Face ao exposto, é de máxima importância a capacitação de leigos em suporte básico de vida (SBV). O presente estudo teve como objetivo avaliar os conhecimentos antes e após o projeto “capacitar para salvar” e as competências após a implementação do mesmo. Estudou-se também a relação entre autoestima, enquanto constructo sobre a avaliação que o indivíduo faz e mantém sobre si próprio (Rosenberg, 1965) e os conhecimentos e competências sobre SBV. Foi realizado um estudo descritivo longitudinal, quase experimental de abordagem quantitativa. A recolha de dados ocorreu entre março e abril de 2016 (1ª fase) e entre junho e julho de 2016 ( 2ª fase), numa amostra de 97 colaboradores da Câmara Municipal de Vila Real. Para a recolha de dados utilizou-se um questionário, sendo a primeira parte de caracterização sociodemográfica e a segunda de treze questões relativas à avaliação de conhecimentos sobre SBV. Foi ainda usada a escala de autoestima de Rosenberg e uma grelha de observação para avaliação de competências sobre SBV Tendo em conta os resultados obtidos, o projeto de intervenção “Capacitar para Salvar” evidenciou mudanças significativas nos conhecimentos em SBV. Constatou-se que os colaboradores mais novos e os que tinham menos tempo de serviço na instituição demonstraram mais conhecimentos após a intervenção. Em relação às competências em SBV observou-se que os colaboradores com menos de 40 anos, os que tinham um nível de ensino superior e os que desempenhavam funções de quadros superiores e com tempo de serviço menor que 10 anos, detinham mais competências para realizar manobras de SBV De um modo geral os colaboradores da CMVR demonstraram uma elevada autoestima, o que poderá justificar a inexistência de relação com o conhecimento e competência sobre SBV.
This report is part of the development of the Internship and Report unit (2nd year) of the Master's Degree in Community Nursing at the University of Trás-os-Montes and Alto Douro University, which ran from September 14, 2015 to 29 January 2016 and aimed at developing specific skills in this area of knowledge. In the course of the study we developed an empirical study titled "Empowerment of employees of the Municipal Council of Vila Real on basic life support: relationship with self-esteem". In Portugal, cardiocirculatory diseases continue to be the main cause of death, as in all European countries. According to the report of the Directorate-General for Health "Brain and cardiovascular diseases in numbers - 2013", deaths from circulatory system diseases in 2012 stood at 30.4%, with a significant economic impact resulting from sequelae and and the rising costs associated with their treatment. Despite the scientific and technical developments in medicine, the prognosis of cardiorespiratory arrest did not improve significantly. In view of the above, the training of lay people in basic life support (SBV) is of utmost importance. The present study aimed to evaluate the knowledge before and after the "empower to save" project and the competences after the implementation of the project. The relationship between self-esteem and self-esteem, as well as the self-esteem and self-esteem evaluation (Rosenberg, 1965) and SBV knowledge and skills were also studied. A longitudinal descriptive study of quantitative approach was carried out. Data collection took place between March and April 2016 (1st phase) and between June and July 2016 (2nd phase), in a sample of 97 employees of Vila Real Municipal Council. For the data collection, a questionnaire was used, the first part of sociodemographic characterization and the second of thirteen questions related to the evaluation of SBV knowledge. The Rosenberg self-esteem scale and an observation grid for the evaluation of competences on SBV Taking into account the results obtained, the "Empower to Save" intervention project evidenced significant changes in SBV knowledge. It was found that the younger employees and those with less time in the institution showed more knowledge after the intervention. Regarding SBV competencies, it was observed that employees under 40 years of age, those with a higher education level, and those who performed senior management functions and who had a working time of less than 10 years had more competencies to perform maneuvers from SBV In general, the CMVR employees demonstrated a high self-esteem, which may justify the inexistence relationship between knowledge and competence on SBV.
URI: http://hdl.handle.net/10348/8619
Tipo de Documento: Dissertação de Mestrado
Aparece nas colecções:DESMC - Dissertações de Mestrado
TD - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Dissertação.pdf
  Restricted Access
1,86 MBAdobe PDFVer/Abrir Request a copy


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis Logotipo do Orcid 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.