Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10348/9218
Title: Empreendedorismo (in)formal: proposta de uma política de formalização para a região de Cabinda.
Authors: Augusto, Lukombo Matondo
Advisor: Marques, Carla Susana Da Encarnação
Keywords: Micro-Empreendedores informais
fatores pessoais
políticas públicas
motivações
Perfil empreendedor
Issue Date: 6-Feb-2019
Abstract: Cabinda é a província geograficamente mais a norte das 18 províncias da República de Angola. A capital da província de Cabinda é a cidade de Cabinda, conhecida também com o nome de Tchowa ou Tchiowa. Tem uma superfície de 7 283 km² e cerca de 801 374 habitantes. A população de Cabinda pertence na sua quase totalidade aos povos bantu, mais concretamente ao grupo Fiote, cuja língua, o Ibinda, é um dos dialetos do Kikongo. Administrativamente, a província é constituída pelos municípios de Cabinda, Cacongo (ex Landana), Buco-Zau e Belize. Assim, o presente estudo tem como objetivo a caraterização do empreendedorismo (in)formal em Cabinda de forma a identificar os fatores pessoais que podem levar à motivação da formalização do negócio e, desta forma, sustentar uma sugestão de uma política pública de formalização de microempreendedorismo nesta Província e no país. Foram processados os dados através do Software Statistical Package for the Social Sciences (SPSS-versão 25), para realizar a análise descritiva e o SEM-PLS para testar as hipóteses de investigação através de equações estruturais. A amostra do presente estudo é de 130 Micro, Pequenas e Médios Empreendedores (in)formais da zona urbana e periférica do município sede de Cabinda. O instrumento utilizado para recolha de dados foi operacionalizado através de um inquérito sob forma de questionário. O estudo é quantitativo, uma vez que procuro quantificar e obter novas descobertas sobre o tema. Relativamente à influência dos fatores psicológicos na orientação empreendedora individual verifica-se a existência de uma influência significativa dando suporte à hipótese 3. O género tem influência na motivação para a formalização do negócio bem como na orientação empreendedora individual dando suporte às hipóteses 4 e 5. No que concerne à hipótese 6 verifica-se que esta é suportada, uma vez que as motivações para a criação do negócio impactam significativamente nas motivações para a formalização do negócio.
Cabinda is the northernmost province of the 18 provinces of the Republic of Angola. The capital of the province of Cabinda is the city of Cabinda, also known as Tchowa or Tchiowa. It has an area of 7 283 km² and about 801 374 inhabitants. The population of Cabinda belongs almost entirely to the Bantu peoples, more concretely to the group Fiote, whose language, the Ibinda, is one of the dialects of the Kikongo. Administratively, the province is constituted by the municipalities of Cabinda, Cacongo (former Landana), Buco-Zau and Belize. Thus, the present study aims to characterize (in) formal entrepreneurship in Cabinda in order to identify the personal factors that can lead to the motivation of formalization of the business and, thus, sustain a suggestion of a public policy of formalization of micro entrepreneurship in this region and in the country. Data were processed through the Statistical Package for the Social Sciences (SPSSversion 25), to perform the descriptive analysis and the SEM-PLS to test the hypotheses of investigation through structural equations. The sample of the present study is 130 Micro, Small and Medium Entrepreneurs (in) formal of the urban and peripheral zone of the county seat of Cabinda. The instrument used for data collection was operationalized through a questionnaire survey. The study is quantitative, as I try to quantify and obtain new findings on the subject. Regarding the influence of the psychological factors in the entrepreneurial orientation, there is a significant influence supporting the hypothesis 3. The gender has an influence on the motivation for the formalization of the business as well as on the individual entrepreneurial orientation supporting hypotheses 4 and 5. In which is related to hypothesis 6, it is verified that this is supported, since the motivations for the creation of the business impact significantly on the motivations for the formalization of the business.
Description: Dissertação de Mestrado em Ciências Económicas e Empresariais apresentada à Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro
URI: http://hdl.handle.net/10348/9218
Document Type: Master Thesis
Appears in Collections:DESG - Dissertações de Mestrado
TD - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Lukombo Matondo Augusto.pdf2,77 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis Logotipo do Orcid 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.