Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10348/9259
Title: Influência da temperatura de armazenamento na idade fisiológica da batata-semente
Authors: Rodrigues, Paula Maria Fidalgo
Advisor: Martins, Fernando Manuel Coelho Franco
Keywords: Idade fisiológica
armazenamento
ciclos de produção
produtividade
épocas de plantação
Issue Date: 7-Dec-2018
Abstract: Em Portugal, a cultura da batata é ainda uma cultura representativa do ponto de vista económico dos sistemas de agricultura da região de Trás-os-Montes. As preocupações centram-se sobretudo na manipulação da batata-semente de modo a obter a maior produtividade, dado o seu peso no custo da produção. No entanto, a compreensão de que produções de qualidade podem ser obtidas também pela manipulação dos ciclos de produção, idade fisiológica e condições de armazenamento tem levado à procura de quais as melhores condições de armazenamento da batata-semente, por forma a permitir a sua adequada utilização com redução de custos por perdas de qualidade. É neste contexto que surge esta dissertação, onde apresentamos um conjunto de trabalhos que visa a avaliação do comportamento fisiológico de três cultivares de batata-semente (Désirée, Kennebec e Jerla), produzidas em duas zonas diferentes de Trás-os-Montes (Portugal) e na Holanda; quando submetidas a dois diferentes regimes de temperatura (4 ºC e temperatura ambiente) e 165 dias de armazenamento. Neste âmbito, observou-se os efeitos nos hábitos fisiológicos da batata-semente, na capacidade de abrolhamento, no período de incubação e o seu comportamento no campo, através de um ensaio preliminar. Os resultados obtidos permitiram observar que combinando regimes de temperatura e duração de conservação é possível influenciar de forma significativa a idade fisiológica, para além de que cultivares diferentes requerem condições de armazenamento diferentes. Observamos que aumentos de temperatura tendem a provocar um maior grau de abrolhamento combinado com maiores perdas de peso do tubérculo eventualmente por aumento da respiração e transpiração, sendo favoráveis à antecipação da idade fisiológica, situação favorável quando temos calendários de produção de ciclos curtos em que se deseja precocidade. Em situações de ciclo de produção mais longo ou em plantações mais tardias serão preferíveis situações de conservação com temperaturas mais baixas, pois estas permitem uma evolução mais lenta da idade fisiológica da batata-semente, logo uma maior preservação da qualidade do tubérculo disponível para a plantação. Das cultivares estudadas, a Jaerla foi aquela que esgotou mais cedo a sua capacidade de abrolhamento sendo por isso mais adequada para calendários de produção de ciclo curto, enquanto as cultivares Désirée e Kennebec, fisiologicamente mais jovens e ativas durante mais tempo, para ciclos mais longos, possuindo assim a vantagem de serem armazenadas durante mais tempo e com mais baixos custos de armazenamento.
In Portugal, the potato crop is still nowadays one of the most economically representative crop in the agricultural systems of Trás-os-Montes the region. The main concern is focused mainly in to achieve a highest productivity through an efficient seed handling. The understanding that production with quality can be obtained by the handling of the production cycles, physiological age and storage conditions, led to new research studies in order to look for the best storage conditions of the seeds, which allows a reduction cost by loss of quality, when appropriate conditions are used. In this context we present this PhD. Thesis, in which we present a set of different works, aiming the evaluation of the physiological behavior of three cultivars of seed potatoes (Désirée, Kennebec and Jerla), produced in two different areas of Trás-os-Montes (Portugal) and in the Netherlands, when submitted to different temperature regimes (4° C and room temperatures) and 165 days of storage. It was observed their effects on physiological habits of seeds, the ability of buds germination, the incubation period and the behavior of plants on the field, through a preliminary test. The results obtained show that combining temperature regimes and conservation type is possible to affect significantly the physiological age. Moreover, it was possible to observe that different cultivars require different storage conditions. Temperature increments tend to result in a combination of larger sprouting capacity with tuber weight losses, probably due to the increment of respiration and transpiration rates, and thus being more advantageous for situations in which the anticipation of physiological age is needed, as we observe in short cycles of production. While in the cases of longer production cycles or in the later plantations, will be preferable the preservation of seeds with lower temperatures, since these slow the evolution of physiological age and thus extend the quality of tubers for planting for longer periods. From the cultivars studied, Jaerla sold out sooner their ability of sprouting, therefore, more suitable for short cycle of production, while the cultivars Désirée and Kennebec, physiologically younger and more active for longer periods, have the advantage of supporting longer periods of storage, and thus more adequate for longer cycles of production
Description: Tese de Doutoramento em Ciências Agronómicas e Florestais
URI: http://hdl.handle.net/10348/9259
Document Type: Doctoral Thesis
Appears in Collections:DAGRO - Teses de Doutoramento
TD - Teses de Doutoramento

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Paula Maria Fidalgo Rodrigues.pdf2,62 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis Logotipo do Orcid 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.