Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10348/9426
Title: Arte visual acessível para cegos - colagem digital
Authors: Resende, Marta Maria Pedro Tavares Amaral
Advisor: Rocha, Tânia de Jesus Vilela da
Oliveira, Anabela Dinis Branco de
Keywords: Colagem Digital
Colagem Manual
Acessibilidade
Pessoa com Deficiência Visual
Issue Date: 26-Jun-2019
Abstract: A arte deveria ser acessível a todos, independentemente das capacidades de cada um, contribuindo para a construção de uma sociedade mais inclusiva. A acessibilidade é a capacidade de um produto ser flexível o suficiente para atender às necessidades e preferências do maior número possível de pessoas. Significa permitir que pessoas com deficiência consigam participar, utilizando produtos, serviços e informação, fazendo-se a adaptação adequada e eliminando qualquer barreira. A colagem é uma forma de arte que ainda não se encontra adaptada para quem não a consegue percecionar, como a pessoa com deficiência visual. Todavia, existem Técnicas de Apoio ao Desenvolvimento Artístico (TADA), já usadas noutras formas de arte, que podem ajudar nessa adaptação. O uso destas técnicas proporciona uma substancial melhoria na qualidade de resposta do indivíduo com deficiência quando em contacto com trabalhos artísticos. Neste contexto, com o auxílio das TADA, foi elaborada uma colagem manual a partir de uma colagem digital, de forma a torná-la acessível a pessoas com deficiência visual. Ou seja, a fim de que estes utilizadores tivessem os meios necessários para identificar não só as formas presentes na colagem, como apreender e compreender a mensagem e apreciar a arte. Posteriormente, foram realizados testes com o público-alvo (pessoas com deficiência visual), com o objetivo de perceber e aferir a acessibilidade da colagem. Concluiu-se que esta abordagem pode ser um caminho promissor a trilhar para o futuro da acessibilidade na arte. Contudo, alguns ajustes poderão e deverão ser feitos para que a acessibilidade se torne ainda mais alcançável.
Art should be accessible to all, regardless of their conditions, in order to build a more inclusive society. Accessibility is the ability of a product to be flexible enough to meet the needs and preferences of as many people as possible. It means enabling people with disability to participate, by using products, services and information, making the appropriate adaptation and removing any barriers. Collage is an art form that is not yet adapted for those who can not perceive it, as people with visual disability. However, there are Techniques of Support to the Artistic Development (TSAD) already used in other forms of art that help through this adaptation. The use of these techniques provides a substantial improvement in the quality of response of the people with disability when in contact with artistic works. In this context, with the help of TSAD, a manual collage was developed from a digital collage, in order to make it accessible to people with visual disability. In other words, so that these users had the necessary means to not only identify the forms present in the collage, but also to apprehend and understand the message and appreciate the art. Afterwards, tests were carried out with the target audience aiming to evaluate the accessibility of the collage. It was concluded that this approach can be constitute a promising path to the future of accessibility in art. However, some adjustments can and should be made to make accessibility even more achievable.
Description: Dissertação de Mestrado em Multimédia
URI: http://hdl.handle.net/10348/9426
Document Type: Master Thesis
Appears in Collections:DENG - Dissertações de Mestrado
TD - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
DISSERTAÇÃO_VERSÃO FINAL_MARTA_RESENDE.pdf106,35 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis Logotipo do Orcid 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.