Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10348/9530
Title: Acessos cirúrgicos aos membros torácico e pélvico de animais de companhia
Authors: Braga, Estela Maria Ferreira da Silva Torres
Advisor: Costa, Luis Miguel Viana Maltez Da
Pimenta, Maria Sofia Rodrigues Alves
Keywords: Animais de companhia
 Acessos cirúrgicos
Issue Date: 11-Oct-2019
Abstract: A medicina Veterinária está em constante desenvolvimento e as exigências por parte dos proprietários têm vindo a aumentar. Hoje em dia um proprietário espera que o seu animal de estimação seja tratado com o mesmo cuidado e eficácia daquele que exigiria para si próprio e com a menor necessidade possível de cuidados pós-operatórios. Assim, ao longo dos anos foi necessário aprofundar conhecimentos em diferentes áreas, como é o caso da cirurgia ortopédica, a qual se dedica ao estudo e tratamento de deformidades congénitas ou adquiridas do sistema musculosquelético. Em geral, o procedimento cirúrgico não deve adicionar traumatismo desnecessário àquele que a área lesada já sofreu. Para uma desejável taxa de sucesso pós-operatório e uma baixa morbilidade, os acessos cirúrgicos aos ossos e às articulações devem assegurar a preservação da anatomia e da fisiologia das estruturas da região afetada, ser minimamente invasivos, e garantir simultaneamente uma correção eficiente. De facto, quanto melhor o domínio do acesso cirúrgico, menor o risco de danos nas estruturas envolventes, menor necessidade de cuidados pós-operatórios, menor o tempo de recuperação e, consequentemente, menor o sofrimento e o desconforto do animal operado. Uma adequada revisão anatómica e das possíveis abordagens à zona a aceder, devem ser realizados antes de uma cirurgia específica denotam a consciência e dedicação do cirurgião, que coloca o bem-estar do animal em primeiro lugar. Assim sendo, o objetivo principal deste trabalho foi a elaboração de um documento didático com a compilação dos acessos cirúrgicos mais comuns aos membros torácico e pélvico dos animais de companhia. Estes acessos cirúrgicos são também lecionados nas aulas da Unidade Curricular Cirurgia de Animais de Companhia I da Universidade de Trás-osMontes e Alto Douro, pelo que o presente documento pode ser utilizado como apoio para as aulas, pelos alunos do Mestrado Integrado em Medicina Veterinária ou mesmo de Enfermagem Veterinária. Tem a vantagem de ser um documento com o rigor necessário que garante a segurança do seu uso ao público a quem se destina. As fotografias presentes neste documento são todas originais e foram obtidas da disseção de cadáveres utilizados nas aulas práticas de Cirurgia de Animais de Companhia, sob a supervisão dos orientadores. As imagens esquemáticas foram realizadas pelos autores do documento, com o acesso a programas de desenho gráfico. Outro dos objetivos da realização deste documento foi a normalização da nomenclatura usada nas descrições dos acessos cirúrgicos. A nomenclatura teve por base a Nómina Anatómica Veterinária e a literatura atual. Sempre que surgiram nomes diferentes para a mesma estrutura, foi utilizado o nome mais consensual entre anatomistas e cirurgiões. O atlas criado pretende compilar num só documento os acessos cirúrgicos mais usados para abordar os membros torácico e pélvico de animais de companhia, atendendo às técnicas mais comuns de intervenção ortopédica, aproximando os estudantes da clínica cirúrgica. A tomada de conhecimento anatómico na sua plenitude oferece uma maior segurança para a correta execução de cirurgias ortopédicas, minimizando o risco de possíveis lesões iatrogénicas.
Veterinary medicine is in constant development and the expectations of small animal’s owners have been increasing. Nowadays all owners expect their pets to be treated with the same care and efficiency they would expect for themselves and also, with the least need of post-operative care. Therefore, the need to deepen knowledge in different areas was necessary, as it is the case of orthopedic surgery, which dedicates to the study and treatment of musculoskeletal congenital or acquired deformities. In general, the surgical procedure should not add unnecessary trauma to what the damaged area has already suffered. In order to obtain the desirable success rate post operatively and a low morbidity, the surgical accesses to the bones and joints must ensure the preservation of the anatomy and physiology of the surrounding structures, be minimal invasive, and simultaneously ensure an effective correction. In fact, a greater knowledge of the surgical access, decreases the risk of injury to the surrounding structures and the need of postoperative care, leading to a faster recovery and reducing suffering and discomfort for the operated animal. An adequate anatomical revision as well as a revision of the possible approaches to the injured area before a specific surgery denotes a conscientious, dedicated surgeon that puts the animal’s well-being in the first place. Having all of this in mind, the main goal of this work was to create a didactic document compiling the most common surgical accesses to the forelimb and pelvic limb of small animals. These surgical approaches are also taught in the Small Animal’s Surgery I classes at the Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro, so, the present document can be used as a support to the classes by the students of the Integrated Master in Veterinary Medicine or even of Veterinary Nursing. It has the advantage of being a rigorous document, reliable to whom it is addressed. The photographs within this document are all original and have been taken during the dissection of the cadavers used in the practical classes of Small Animal’s Surgery under the supervision of the mentors. The schematic images have been drawn by the authors recurring to graphic design programs. Another goal of this document was to contribute to a standardization of nomenclature used in the surgical accesses. The nomenclature used in this document is based on the Nomina Anatomica Veterinaria and the recent literature. Every time the authors found different names to be employed for the same structure the most consensual term between anatomists and surgeons was used. This atlas is an effort to compile in only one document, the most used surgical accesses for the forelimb and the pelvic limb of dogs and cats, according to the most common techniques of orthopedic surgeries, trying to bring students closer to the clinical surgery. The anatomic acknowledgement in its all brings more security to the correct execution of surgeries, reducing the risk of possible iatrogenic lesions.
Description: Dissertação de Mestrado Integrado em Medicina Veterinária
URI: http://hdl.handle.net/10348/9530
Document Type: Master Thesis
Appears in Collections:DCV - Dissertações de Mestrado
TD - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Estela Maria Ferreira da Silva Torres Braga.pdf
  Until 2022-10-12
6,01 MBAdobe PDFView/Open Request a copy


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis Logotipo do Orcid 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.