Determinantes da estrutura financeira das empresas do setor de saúde em Portugal: evidência com dados em painel

dc.contributor.advisorNeves, Maria Elisabete Duarte
dc.contributor.authorLeite , Helena de Jesus Marques
dc.contributor.coadvisorDias, António Carlos Gomes
dc.date.accessioned2024-02-12T16:03:04Z
dc.date.available2024-02-12T16:03:04Z
dc.date.issued2023-06-19
dc.date.submitted2023-07-26
dc.description.abstractA estrutura de capital diz respeito à forma como as empresas financiam os seus investimentos. Dada a importância deste tema, e a carência de estudos relacionados por setor de atividade, a presente dissertação terá como objetivo analisar empiricamente os determinantes da estrutura financeira de um setor concreto, o da saúde (CAE: 86 - Atividades de Saúde Humana) em Portugal. Para concretizar este estudo, foram analisados dados de 447 empresas para o período de 2014-2020. Para além da amostra na sua totalidade (global), essa ainda foi subdividida em três regiões; Região Norte, Região Centro e Sul e, Região de Lisboa, para verificar se há diferenças significativas na gestão do endividamento, consoante as regiões do país. Baseados na literatura, foram consideradas três variáveis de estrutura financeira; Endividamento total, Endividamento de curto prazo e Endividamento de longo prazo. Utilizando a metodologia de dados em painel dinâmicos, mais concretamente o GMMSystem, de Arellano e Bover (1995) e Blundell e Bond (1998), os resultados alcançados sugerem que as decisões sobre a estrutura financeira resultam de um conjunto de fatores específicos das empresas e circunstâncias macroeconómicas, em que estas exercem a sua atividade, sendo distintos consoante a região estudada. Adicionalmente os resultados, mostram que há diferenças nos determinantes do endividamento para cada uma das variáveis dependentes usadas.
dc.description.abstractCapital structure is the way companies finance their investments. Given the importance of this subject, and the need of related studies by activity sector, this essay has the objective of analyzing the determinants of capital structure from a specific sector, the health sector (business activity code number 86 – Human health activities) in Portugal. To achieve this study, data from 447 companies from 2014 up to 2020 was analyzed. Besides the total sample (global), three subsamples was also created in order to compare the results; Northern Region, Center and South Region and Lisbon Region in order to verify the existence of significant differences on the management of debt, from region to region. Based on literature, three variables were considered from financial structure: Total debt, Short term debt and Long-term debt. Using a Panel data methodology, more specifically, the GMM-Sytem, suggested by Arellano and Bover (1995) and Blundell and Bond (1998), the achieved results suggest that the decisions about the financial structure concur in a group of specific factors from companies and macroeconomics surroundings, which are distinct for each region. The results also show that there is a difference between the determinants of debt for each dependent variable used.
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/10348/12128
dc.language.isopor
dc.rightsrestricted access
dc.rights.urihttp://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
dc.subjectEndividamento
dc.subjectSaúde
dc.subject.fosCiências Sociais - Economia e Gestão
dc.titleDeterminantes da estrutura financeira das empresas do setor de saúde em Portugal: evidência com dados em painel
dc.typemaster thesis
dspace.entity.typePublicationen
thesis.degree.nameMestrado em Gestão
Ficheiros
Principais
A mostrar 1 - 3 de 3
Nome:
Dis Helena Leite.pdf
Tamanho:
22.87 MB
Formato:
Adobe Portable Document Format
Nome:
Dec Helena Leite.pdf
Tamanho:
2.62 MB
Formato:
Adobe Portable Document Format
Nome:
Val Helena Leite.pdf
Tamanho:
79.28 KB
Formato:
Adobe Portable Document Format