Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10348/9722
Title: Donkey Welfare Assessment in Northeast Portugal
Authors: Cruz, Zélia Cristina Pereira da
Advisor: Quaresma, Miguel Nuno Pinheiro
Keywords: Bem-estar animal
Burros
Issue Date: 21-Jan-2020
Abstract: O burro de Miranda é uma raça oriunda do nordeste de Portugal, de uma zona denominada de Planalto Mirandês. Estes animais começaram por ser utilizados para trabalho, mas com o crescente envelhecimento da população a sua utilização é escassa e a raça enfrenta risco de extinção. Uma grande maioria dos estudos de bem-estar em asininos são realizados em países em desenvolvimento, poucos foram publicados a nível da Europa e nenhum em Portugal. O presente estudo pretende colmatar esta falha, avaliando o Bem-estar em asininos, não só da raça Mirandesa, mas também aqueles que não têm raça definida. Neste estudo foram avaliados os parâmetros baseados no protocolo AWIN foram avaliados em 2018 e 2019, no seguimento da campanha de bem-estar realizada pela Associação para o Estudo e Proteção o Gado Asinino (AEPGA). Em termos populacionais as fêmeas foram o género predominante, seguidas dos machos castrados. Relativamente aos parâmetros de bem-estar, os problemas comportamentais foram os mais predominantes, encontrados em mais de 60% dos animais, em 2019. Na avaliação da condição corporal (CC) cerca de 50% dos animais apresentavam um CC ideal. Nos restantes constatou-se uma maior tendência para animais com excesso de peso. Na palpação externa das arcadas dentárias superiores, 23% dos burros mostraram dor ao exame.
The Miranda donkey breed had its origins in the northeast Portugal, in a place called Planalto Mirandês. In the beginning these animals were used for working, but with the on-growing aging population their use is scarce and the breed faces danger of extinction. A vast majority of donkey’s welfare studies are performed in developing countries, few were published in Europe and none in Portugal. The present study comes to bridge this existing gap, evaluating the welfare of donkeys, not only the ones with pedigree but also the ones without defined breed. In this study were used parameters based in the AWIN protocol to evaluate the welfare in 2018 and 2019, integrated in the welfare campaign performed by AEPGA, the Portuguese association for the study and protection of the Asinine cattle. In terms of population, females were the predominant sex, followed by geldings. Relative to welfare parameters, behaviour problems were the most common, found in 60% of the animals, in 2019. In the body condition scoring 50% of the animals presented an ideal BCS. In the remaining a tendency to an overweight condition was noticed. To the cheek palpation, 23% of all donkeys reacted painfully
Description: Dissertação de Mestrado Integrado em Medicina Veterinária
URI: http://hdl.handle.net/10348/9722
Document Type: Master Thesis
Appears in Collections:DCV - Dissertações de Mestrado
TD - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Tese.Zelia Cruz.pdf1,61 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis Logotipo do Orcid 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.